sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

DETALHES SOBRE O INQUÉRITO 42/09 RELACIONADO A DENGUE, INSTAURADO CONTRA A ADIMINISTRAÇÃO MARTINI



E a situação do prefeito Milton Martini  esta cada vez mais complicada pois, as denúncias estão surgindo como uma avalanche. Um dos iquéritos civil instarados  no ministério público é o de nº 42/09  sobre proteção da saúde pública.Trata-se de uma reclamação formulada pela 15º Regional de Saúde  de Maringá, para a apuração de notícia de omissão do prefeito municipal e do Secretário municipal de Saúde, quanto ás medidas necessárias a serem adotaddas pelo município de Sarandi na prevenção e combate a dengue.Cabe neste caso também a apuração da regularidade da aplicação dos recursos repassados ao município pelo ministério da Saúde, em face do PNCD (Progrma Nacional de Combate a dengue). Este inquérito foi instaurado no dia 23 de outubro de 2009.De acordo com o ministério público, foi efetuada consultas pela rede de computadores (Internet) e, obteve a informação de que neste ano de 2009, o município de Sarandi recebeu recursos financeiros para a finalidade de vigilância em Saúde e, da mesma maneira como recebeu nos anos anteriores, nã havendo justificativas de cunho financeiro, asim que, possam ser opostas neste caso.
Esta sendo apontado ainda neste inquérito que, ouve desinteresse do prefeito e do Secretário, em comparecer ás reuniões realizadas sobre o tema e ainda, pela ausência de prestação de quaisquer informações.Outra informação é que será investigado a aplicação dos recursos remetidos pelo ministério da Saúde.Dados constante no inquérito dão conta de que até o momento o mucicípio de Sarandi  conta com 134 casos de dengue notificados, sendo que 53 foram confirmados. Realmente a cidade de Sarandi esta como um barco aderiva, sem o timoneiro ou seja, sem um governante pois, o que estamos vendo é um verdadeiro  caos ao ponto de se pensar em uma intervenção neste município.

PC do B ROMPE COM A ADMINISTRAÇÃO MARTINI

Em entrevista agora a  pouco na Rádio Banda 1, Valmir Tentemplis do PC do B disse que, Sarandi sempre foi saqueada por políticos inescrupulosos. De acordo com Fabio Bernardo presidente do partido, logo mais as 10hs o partido irá promover um ato enfrente a prefeitura, oportunidade em que será  entregue o documento de rompimento com o governo Martini.
Valmir disse ainda que o Milton Martini esta morrendo politicamente e que, a condição para que o partido  continue no governo  seria o prefeito exonerar os secretários de Urbanismo Bauer, Administração Gilson, Saúde Murlo Beller e assessor de imprensa Geraldo Irineu.
Segundo Fabio Bernardo, depois que o partido deixar o governo Milton Martini, serão feitas mobilizaçôes junto a população, principalmente a juventude pedindo a renúncia do prefeito Milton Martini.
É realmente  a cada dia que passa a situação do prefeito se complica  mais e mais. Isso para Sarandi é lamentável.