quarta-feira, 7 de julho de 2010

Beto Richa inicia em Campo Mourão roteiro por 19 municípios do Noroeste

O candidato da coligação Novo Paraná ao Governo do Estado, Beto Richa, estará nesta quinta-feira (8) e sexta-feira (9) percorrendo municípios da região de Campo Mourão. Durante dois dias, Beto participará de encontros em 19 municípios do Noroeste, para discutir seu Plano de Governo.

Na sexta-feira, Beto participará de uma audiência pública organizada pelo PSDB do Paraná e pelo Instituto Teotônio Vilela, no Ópera Hall, em Campo Mourão, às 20h. "Estamos fazendo esta caminhada por todo o estado para construir um amplo projeto de desenvolvimento para o novo Paraná”, afirma Richa.

Nesta quinta-feira (8), às 9h, Beto dará entrevista coletiva no Aeroporto da cidade. Depois, segue para encontros suprapartidários nos municípios de Peabiru (10h), Araruna (10h40), Terra Boa (11h30), Engenheiro Beltrão (12h15), Quinta do Sol (13h), Fênix (13h45), Barbosa Ferraz (14h30), Corumbataí do Sul (15h15), Luiziana (16h) e Iretama (17h).

Na sexta-feira (9), Beto começa o dia em Farol (10h), seguindo para as cidades de Janiópolis (10h45), Moreira Sales (11h30), Goioerê (12h15), Quarto Centenário (13h30), Rancho Alegre do Oeste (14h15), Juranda (15h), Boa Esperança (15h45) e Mamborê (16h30). Às 20h, Richa participa de uma audiência pública no Ópera Hall, em Campo Mourão, onde se reunirá com lideranças comunitárias, empresariais e políticas da região Noroeste.

Polícia não encontra Bruno em casa para executar prisão e o considera foragido

Com  mandado de prisão em mãos, policiais foram à casa do goleiro Bruno, do Flamengo, na manhã desta quarta-feira, mas não encontraram o atleta. A polícia entrou na residência, localizada no Recreio dos Bandeirantes, e vasculhou o local por cerca de 30 minutos. A esposa do camisa 1, Dayane de Souza, teve prisão temporária decretada também esta manhã e foi encaminhada ao Departamento de Investigação da Polícia Civil.

Após a busca na casa do jogador, os policiais deixaram o local com pressa e se dirigiram a um outro local, na Barra da Tijuca, onde Bruno estaria supostamente escondido. Contudo, o goleiro continua sem ser localizado e é considerado foragido. O mandado expedido para o atleta se refere a cinco dias de prisão, podendo ser renovado por mais cinco.

O 'caso Bruno' teve seu rumo alterado nesta terça-feira, quando um primo do goleiro, de 17 anos, prestou depoimento por cerca de 8 horas na Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade. Ele confirmou que sequestrou a estudante Eliza Samudio, ex-namorada do jogador, com ajuda de Macarrão, e que ela estaria morta.

O menor admitiu ter dado uma coronhada em Eliza com uma pistola, mas contou que isso aconteceu por causa de uma discussão e que nada estava premeditado. A morte da jovem teria acontecido em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais.

Prefeito Carlos de Paula pede mais segurança para Sarandi

O Prefeito Carlos Alberto de Paula esteve em companhia do Delegado de policia Dr. Mauricio de Lima, Chefe de gabinete Luiz Aguiar, o Tenente Joel Guerreiro comandante do destacamento da policia militar da cidade bem como empresários e membros da ACIS – Associação Comercial de Sarandi em reunião com o comandante do 4º batalhão de policia militar de Maringá o qual está subordinado Tenente Coronel Paulo Sergio Larson Carstens.

Urgência, urgentíssima esta foi a palavra de ordem proposta pelo prefeito Carlos De Paula que falou da necessidade da ampliação das ações policiais no município no combate ao crescente numero de homicídios, furtos, assaltos bem como o trafico de drogas.

Na oportunidade ressaltou que a administração municipal vem fazendo a sua parte em parceria com a APMI - Associação de Proteção a Maternidade e a Infância lançou o projeto Reviver que consiste na criação de 25 (vinte e cinco) oficinas com varias atividades oportunizando através deste envolvimento de mais de 5000 ( cinco mil) jovens o projeto atitude e mais uma ação que vem sendo desenvolvida na cidade com o intuito de tirar nossas crianças e jovens das ociosidade o departamento de cultura do município tem realizado quase todos os finais de semana atividades diversas que controle a comunidade como num todo.

Em conversa com o Coronel bem como os presentes o prefeito informou encaminhou a câmara municipal de vereadores o projeto de lei que cria a guarda municipal.

De acordo com o prefeito esta será composta de motocicletas, carros, homens e mulheres que terão a responsabilidade de cuidarem de bens públicos como auxiliarem na organização do transito e proteção aos sarandienses já que o projeto consiste inclusive na instalação de câmeras que deverão ser colocados em pontos estratégicos.

Segundo a assessoria de imprensa, o Coronel Paulo Sergio Larson Carstens manifestou se receptivo a preocupação do prefeito Carlos Alberto de Paula fazendo algumas considerações, sabemos que o nosso efetivo é pequeno na cidade, mas se alguns cuidados forem tomados certamente a segurança tomara novos horizontes; observando a necessidade da execução da lei municipal que obriga o fechamento de bares as 00 horas de segunda a sexta – feira, a pratica da AIFO - “ Associazione Italiana Amici di Raoul Follereau – Organização para a Cooperação Sanitária Internacional” - que já deu certo em outras cidades, no que tange a policia militar vamos disponibilizar a ROTAM (Rondas Ostensivas Tático Móvel), CANIL, motos e 30 homens que farão operações periódicas na cidade em conjunto com a policia civil.

O delegado Mauricio de Lima presente na reunião falou da criação de uma equipe mista composta por policiais civis e militares visando ampliar as investigações na identificação dos marginais que atuam na cidade. Para o delegado este conjunto de atitudes, prefeitura, 4º batalhão, policia civil deverão se estender a toda atividade irregular no município. Vamos juntar forças e amenizar a angústia das pessoas de bem, sufocando a ação criminosa na cidade. Afirmou o Delegado.

Mulher tenta entrar no 2º DP com droga escondida no corpo

Uma mulher de 40 anos foi presa em flagrante na tarde desta terça-feira (6) com uma porção de maconha escondida em sua vagina. Ela tentava entrar na carceragem do 2º Distrito Policial, localizado na zona leste de Londrina.

O marido de Ediana Ferreira Andrade está preso no DP, mas ela afirmou que a droga era para outros detentos e que foi contratada por duas mulheres para fazer o tráfico.