Postagens

Mostrando postagens de Outubro 30, 2010
CNT/Sensus: Dilma chega a 57,2% dos votos válidos; Serra tem 42,8%


Pesquisa do Instituto Sensus encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e divulgada neste sábado (30) mostra a candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff, com 57,2% dos votos válidos contra 42,8% de seu adversário, José Serra (PSDB). No levantamento anterior, divulgado no último dia 27, a candidata petista tinha 58,6% dos votos válidos contra 41,4% de Serra.
Considerando os votos totais, quando são contabilizados os indecisos e os votos brancos e nulos, Dilma soma 50,3% das intenções e Serra, 37,6%. Na pesquisa anterior, a petista somava 51,9% contra 36,7% do tucano.
No novo levantamento, 7,9% dos entrevistados disseram estar indecisos e 4,1% afirmaram votar em branco ou nulo. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.
Encomendada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), a pesquisa foi realizada entre os dias 28 e 29 de outubro, com 2.000 entrevistados em todo País, e registra…
Ventos de 100 km deixam rastro de destruição em Londrina

O forte vendaval que caiu em Londrina na madrugada deste sábado (30) provocou a queda de várias árvores sobre casas e redes de energia, deixando vários bairros sem luz. Os ventos chegaram a atingir mais de 100 km por hora e o Corpo de Bombeiros começou a ser acionado pela população a partir das 5h45.
A frente fria que chegou ao País hoje causou forte chuva e rajadas de ventos que atingiram a máxima de 101.9 km/h em Londrina, De acordo com a metereologista Sheila Paz, do Instituto Metereológico do Paraná (Simepar), a rajada mais intensa foi registra às 5h. Em Apucarana, os ventos chegaram a 102,2 km/h, deixando cerca de 20 casas destelhadas. Na Escala de Beaufort, que quantifica a intensidade dos ventos, temporais com ventos entre 89 km/h e 102 km/h são considerados nuito duros que possuem força para arrancar árvores e danificar estruturas de construções.
De acordo com o sargento Gomes, do Corpo de Bombeiros, a ventania fez um ca…
Imagem
Osmar Dias pede que vice-prefeito de Maringá deixe o PDT

O senador e presidente do PDT no Paraná, Osmar Dias, pediu que o vice-prefeito de Maringá, Carlos Roberto Pupin, deixe o partido, durante coletiva de imprensa, realizada no fim da manhã desta sexta-feira (29), em Maringá. Em frente a vários jornalistas, ele se queixou da falta apoio dos correligionários durante a campanha eleitoral, e disse: “Eu faço um convite público para o Pupin deixar o PDT”.
Antes da declaração, ele se disse "decepcionado" com os colegas de partido, em quem identificou falta de empenho durante a campanha dele para o governo do Paraná, que terminou no dia 3 de outubro, com a vitória, no primeiro turno, de Beto Richa (PSDB).
“Se todos tivessem feito aquilo que foi feito em Maringá e região, o resultado seria outro. (...) Foi uma região em que nós vencemos na garra, na guerra, na luta e isso faltou [em outras regiões]. Faltou até em cidades governadas pelo meu PDT. A gente não precisa ir longe, é só an…