Coordenador da Região Metropolitana de Maringá estranha salário e não assume o cargo

O novo coordenador da Região Metropolitana de Maringá (RMM), José Roberto Ruiz, escolhido em 14 de março deste ano, disse que não vai assumir o cargo por causa de inconsistências no decreto que o nomeou para o cargo. O documento indica que a remuneração caiu de R$ 14 mil para R$ 4 mil. Ruiz acredita que pode ter havido um erro de digitação, o que o levaria a repensar a decisão.

“Existem vários erros no decreto, como o meu nome, que está errado; e a data para inicio das atividades, que está como 1º de março, sendo que ainda estou à frente de um cargo na Prefeitura de Maringá e nem fui empossado. Já a questão do salário, prefiro acreditar que seja erro de digitação”, explicou José Roberto Ruiz, que é secretário de administração de Maringá.

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse