Presidente da Caixa não vê 'bolha imobiliária'

O presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Hereda, afirmou nesta sexta-feira, 13, na abertura do 7.º Feirão da Casa Própria, em São Paulo, que o evento mostra que a economia do Brasil não está em desaceleração e que o mercado imobiliário não passa por uma bolha. De acordo com Hereda, a Caixa Econômica já contratou no País, até o dia 6, um total de R$ 21,5 bilhões em crédito para imóveis, o mesmo valor de 2010.

Ele lembrou que a Caixa só retomará o programa Minha Casa, Minha Vida para famílias com renda de até três salários mínimos no próximo semestre, após as regulamentações finais do governo para a segunda etapa do projeto. "A partir desses dados, posso dizer que a Caixa terá um aumento no volume de contratações em relação ao ano passado."

Hereda afirmou que, de acordo com previsões de técnicos da instituição financeira, o crédito imobiliário liberado deve atingir um total de R$ 81 bilhões em 2011. "A grade de subsídios oferecidos pelo governo e o financiamento de até 30 anos da Caixa dão uma grande condição para as famílias terem acesso aos imóveis. A tendência para a segunda etapa do Minha Casa, Minha Vida é que as condições de acesso se ampliem, até porque as empresas já estão mais especializadas no negócio", afirmou.



Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse