Cliente insatisfeito ameaça dono de oficina mecânica com revólver


Um cliente revoltado com o atraso no serviço de uma oficina de funilaria de Sarandi, na região metropolitana de Maringá, voltou à oficina com uma arma de fogo para pressionar o funileiro a concluir o serviço. De posse de um revólver calibre 32, ele ameaçou os funcionários da oficina e levou o carro do dono do estabelecimento para casa. O caso ocorreu na tarde da última quinta-feira (16).
“Ele deixou o carro e pagou o valor de R$ 1,2 mil pelo serviço de funilaria. Como fazia dois meses que o carro não tinha ficado pronto, ele resolveu ameaçar o dono da oficina", disse o superintendente da Delegacia de Sarandi, Carlos de Oliveira


"O certo seria ele ter acionado a Justiça para fazer o serviço e não agido por conta própria”, acrescentou.
O carro do dono da oficina foi encontrado na residência do cliente, no Parque São Pedro, em Sarandi. A arma foi apreendida. O autor da confusão vai responder pelo crime de exercício arbitrário das próprias razões, que é por ter feito Justiça com as próprias mãos, em liberdade.
Segundo a Polícia, o dono da oficina disse que vai devolver o carro do cliente pronto nesta sexta-feira (17). O caso foi registrado na Delegacia de Sarandi


Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse