Hortas comunitárias de Sarandi beneficiam 760 famílias

Os moradores do município de Sarandi descobriram uma oportunidade de renda e de melhoria na alimentação com a produção orgânica. Mais uma horta comunitária foi inaugurada no Jardim Monterey, em Sarandi. Já são 14 hortas implantadas e uma iniciada no Jardim Novo Bertioga. As hortas comunitárias de Sarandi são apoiadas pela prefeitura municipal, pela Eletrosul pela ONG Brasil Fauna e Flora Sul e pelas associação de moradores. São plantadas 40 modalidades de verduras e hortaliças.

Segundo Carlos Klichowski, ambientalista, este projeto das hortas mudou a vida de muitas famílias da cidade. “Muitas pessoas encontraram a verdadeira vocação, cuidando das hortas. A qualidade de vida mudou muito. São famílias inteiras que ganham o sustento comercializando os nossos produtos, alguns conseguem uma renda mensal maior que R$ 1000 reais mensais. Nós abastecemos hoje 14 restaurantes e três supermercados de Sarandi que pegam nossas verduras, semi orgânicas”.

O ambientalista conta que o próximo passo é formar a cooperativa. “A formação da cooperativa vai melhorar a nossa distribuição. Estou copiando um projeto que já esta sendo adotado na região metropolitana de Curitiba, para discutirmos com o prefeito Carlos de Paula. Com a cooperativa obteremos o selo de qualidade, isto nos dará direito ao código de barras e outros benefícios, assim poderemos fornecer para as grandes redes de supermercados”.

O programa Hortas Comunitárias oferece às comunidades vizinhas das linhas de transmissão a oportunidade de terem um espaço para plantar, reforçar o orçamento familiar e diversificar a alimentação. Com c programa a Eletrosul, evita que haja ocupações irregulares nas faixas junto às linhas de transmissão de energia.

Além de ceder o espaço, a Eletrosul arca com os custos de mão-de-obra para preparar o espaço, horas-máquina, limpeza, cercamento do terreno, terraplenagem e sementes e mudas. As prefeituras municipais oferecem água, apoio técnico e insumos.

De acordo com o prefeito de Sarandi, Carlos Alberto de Paula, a aliança da Eletrosul com o município é fundamental, assim como a participação da população. “Sarandi está se tornando referência em hortas comunitárias e produção orgânica. Isso é algo ótimo, é uma terapia que ainda produz um alimento saudável. É muito importante que a população continue participando desses projetos”, disse.

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse