quarta-feira, 1 de junho de 2011

Senadora paranaense cobra saída do ministro Palocci

A senadora Gleisi Hoffmann (PT) defendeu, durante entrevista ao jornal Folha de São Paulo, a saída do ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci. Ele vem sendo acusado pelo aumento expressivo do seu patrimônio pessoal.

O pedido dela engrossa o coro da oposição, que cobra a exoneração de Pelocci. Nesta quarta-feora (1), a Câmara conseguiu aprovar a convocação do ministro para explicar a elevação do patrimônio.

Gleisi é mulher do ex-ministro do Planejamento do governo Lula, Paulo Bernardo, atualmente no Ministério das Comunicações (com informações site da Folha).

Nenhum comentário: