Jovem amante matou professora com requintes de crueldade

Em cumprimento de mandado de prisão, policiais civis conseguiram prender Adir José Rufino, 18 anos, acusado de ter assassinado a professora Carla Rejane Silva Carnevalle, 28. O jovem foi preso no Bairro Mata Verde, em Foz do Iguaçu.

O crime aconteceu no dia 16 de junho. A professora de Matemática foi morta com requintes de crueldade. O corpo foi encontrado dentro do carro dela, abandonado na zona rural de Foz do Iguaçu. Carla Canevalle estava com a boca tapada e tinha ferimentos no rosto e região do abdômen.

A Polícia Civil descobriu que Carla Carnevalle e Adir José Rufino mantinham um relacionamento amoroso. Horas antes do crime, ele ligou várias vezes no celular dela combinando o lugar do encontro. O motivo do crime seria ciúmes (com informações rádio Cultura de Foz).



Comentários

As mais visitadas

CRM-PR retira indicativo de interdição ética da UPA de Sarandi

Semana Jurídica em Sarandi

CEMEI de Sarandi realiza evento cultural em comemoração ao dia das crianças