VIOLÊNCIA EM MARINGÁ

Mãe é alvejada ao tentar defender filho morto a tiros em Maringá


Um jovem de 26 anos morreu ao ser alvejado com aproximadamente 10 tiros, na frente da própria casa, no Parque Hortência, por volta das 20h30 deste domingo (11). A mãe do rapaz entrou na frente dele, com o intuito de protegê-la, e também foi baleada. Ela está internada no Hospital Universitário de Maringá, sem risco de morte.

Segundo a Polícia Militar, quatro homens em duas motos, chegaram até a casa de Valmir Martins dos Santos, na Rua Pioneiro Braz José Jorge, e chamaram por ele. Quando o jovem atendeu, foi alvejado por vários disparos, morrendo na hora.

A mãe. Maria Nizia dos Santos, de 47 anos, tentou protegê-lo e também foi baleada no braço e no ombro. Ela foi levada pelos bombeiros ao hospital.

A Polícia Civil acredita que o crime tenha sido motivado por rixa entre grupos rivais. Mãe e filho têm antecedentes criminais por furto e tráfico de drogas. (Com informações O Diário)

Comentários

As mais visitadas

CRM-PR retira indicativo de interdição ética da UPA de Sarandi

PROCON de Sarandi firma parceria com PROCON Maringá

Estudante é levado à delegacia por ato obsceno dentro de biblioteca de universidade, em Maringá