Marialva lança projeto pioneiro no Norte do Paraná

Na próxima sexta-feira (14), às 9h, o Governo Municipal de Marialva estará inaugurando o Centro de Triagem e Compostagem (CTC), localizado na Rodovia Luiz Carlos Mascente – Estrada Marialva km 08. A obra será sede do Projeto PROGREDIR (Programa de Geração de Renda, Desenvolvimento Integrado e Reciclagem). Diversas autoridades deverão estar presentes.

A nova estrutura conta com aproximadamente 1.100m2 de área construída, compreendendo setor administrativo, refeitório, sanitários, baias de compostagem e o barracão de triagem. As edificações têm apelo voltado à preservação ambiental, como, por exemplo, a cobertura com telhas ecológicas e fossa séptica biodisgestora.

De acordo com o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Valdinei Cazelato, Marialva produz cerca de 15 toneladas por dia de resíduos sólidos urbanos. “Quando atingirmos o pleno funcionamento do Centro de Triagem e Compostagem, apenas 15% do total coletado irá para o aterro sanitário. O nosso projeto é o primeiro implantado na região”, frisa Valdinei.

A ACLIMAR (Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Marialva), será responsável pela operação do CTC, que terá a capacidade de agregar mais de 50 pessoas.

“Com a implantação completa do projeto, todo o lixo produzido pelos moradores passará por um processo de triagem onde os materiais recicláveis serão segregados e enfardados, já o material orgânico passará pelo processo de compostagem, resultando em rico composto orgânico, gerando emprego e renda para diversas famílias da cidade”, disse o Prefeito Deca.

Com a implantação do PROGREDIR o município de Marialva colherá melhorias significativas nos âmbitos social, ambiental e econômico, melhorando a qualidade de vida dos membros da associação (ACLIMAR), diminuindo o impacto no aterro sanitário e aumento de sua vida útil, reduzindo à níveis insignificantes o envio de resíduos recicláveis ao aterro, agregando valor econômico ao resíduo sólido urbano, gerando uma nova atividade econômica com a compostagem. Além disso, o município fica em conformidade com A Política Nacional de Resíduos, onde a reciclagem e a compostagem são itens considerados obrigatórios no tratamento dos resíduos sólidos urbanos.

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse