segunda-feira, 2 de maio de 2011

Justin Bieber é recebido com ovada na Austrália

O astro pop Justin Bieber parece não agradar a todos. Apesar de contar com inúmeros fãs em todos os cantos do planeta, o cantor recebeu uma chuva de ovos durante um show em Sydney (Austrália) na última sexta-feira (29), informou o portal G1.

Na ocasião, Bieber está executando passos de dança quando percebe que estão atirando ovos contra ele. Sem interromper a performance, o ídolo teen recua até que a situação se acalme. Apesar do contratempo, o show não foi suspenso.

Um dos espectadores presentes conseguiu registrar o momento e o vídeo já está no site Youtube.

Richa sanciona novo piso regional do Paraná no Dia do Trabalho

O governador Beto Richa sancionou neste domingo (1º/5) o novo salário mínimo regional, aprovado esta semana pela Assembleia Legislativa. A assinatura foi durante na décima edição do 1º de Maio Solidário, evento promovido pela Força Sindical do Paraná, na Praça Nossa Senhora da Salete, no Centro Cívico, em Curitiba.

"Esta é a celebração de um entendimento, de uma negociação positiva. Juntos, o governo, as centrais sindicais e entidades patronais, chegamos a um índice de reajuste que permite aos empresários atender aos anseios e demandas dos trabalhadores", disse o governador. "Estou muito feliz por conseguirmos chegar a esse entendimento e por ter o privilégio de sancionar a lei que garante esse aumento no Dia do Trabalho", destacou Richa, reforçando que o diálogo e a democracia são marcas do novo governo.

O piso estadual foi reajustado em 6,9%. São quatro faixas salariais que variam de R$ 708,14 até R$ 817,78. Os valores foram negociados em reuniões com representantes do governo estadual, dos trabalhadores e do empresariado. O piso salarial paranaense é o maior do Brasil e serve principalmente para regulamentar o salário de categorias profissionais que não tem convenção nem acordo coletivo de trabalho. De acordo com o Dieese (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócioeconômicos), o salário mínimo do Paraná tem potencial para atingir 1,3 milhões de trabalhadores.

SOLIDARIEDADE - As comemorações do 1º de Maio Solidário organizado pela Força Sindical começaram às 10 horas deste domingo, com a tradicional missa do trabalhador, celebrada pelo arcebispo de Curitiba, Dom Moacir José Vitty e pelo padre Reginaldo Manzotti, com a presença do governador e da secretária de estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa.
Uma das atrações do evento foi a presença da dupla Bruno & Marrone. Além do show, o evento foi marcado por um sorteio de brindes com automóveis e motos novos, entre outros produtos. O governador entregou as chaves de um Renault Sandero para Rafaela Cristine Garcia, uma das sorteadas.

Mantendo a tradição dos anos anteriores, os organizadores aproveitam a data para realizar uma campanha de arrecadação de alimentos. Pelo menos metade dos alimentos arrecadados será destinada aos municípios paranaenses afetados por alagamentos em março. Desde 2002, quando foi realizada a primeira edição do evento, mais de 200 toneladas de alimentos já foram arrecadadas.
O evento teve a presença do prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, do vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns, e do secretário do Trabalho, Luiz Cláudio Romanelli.


Alunos do Projeto de Integração da Criança visitaram Prefeito Deca

Na última sexta-feira (29), o Prefeito Deca recebeu em seu gabinete a visita dos alunos do PIC 2 (Projeto de Integração da Criança). Os adolescentes estiveram acompanhados pela professora Graziela Cristina Scaliante, do Centro Social Comunitário Madre Rafaela Ybarra.

Durante a visita, o grupo conheceu o local de trabalho do Prefeito, os departamentos que compõem o prédio da prefeitura e os funcionários dos determinados setores.

Na oportunidade, os alunos fizeram duas reivindicações ao Chefe do Executivo. A primeira trata de uma campanha de conscientização dos motoristas no trânsito. “Na frente do nosso centro, apesar da faixa de pedestre, a maioria dos motoristas não respeita a sinalização”, explicou a professora Grazieli. O outro pedido é de melhorias na estrutura do prédio da escola estadual, que fica ao lado do centro e está cedida a entidade.

O Prefeito Deca disse que as reivindicações são justas e terão uma atenção especial por parte da administração.

Dez pessoas são condenadas pelo TJ por fraudar carteiras em Maringá

O Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) condenou dez pessoas acusadas de integrar uma quadrilha especializada em fraudes para emissão de carteiras de motorista em Maringá. O Ministério Público (MP-PR) foi notificado da sentença (dada no início do mês passado) nesta segunda-feira (2). Entre os condenados pela Segunda Câmara Criminal está o então chefe de operações do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), José Miguel Grillo.

A condenação é resultado de ação penal apresentada em março de 2005 pelo MP-PR. O grupo havia sido condenado pela 2ª Vara Criminal de Maringá em abril de 2009, pelos crimes de formação de quadrilha, falsidade ideológica e concussão (exigência de vantagem indevida). Entre as punições previstas está a aplicação de multas e a reclusão variando entre os períodos de um ano e 5 anos e oito meses.
No acórdão, os desembargadores destacam que, ao contrário do que sustentou a defesa dos réus, o MP-PR “não conduziu o inquérito de forma unilateral sendo que os princípios da ampla defesa e do contraditório fora regularmente obedecidos”.

Condenados

Segundo a assessoria de comunicação do MP, Além de Grillo - que foi condenado à perda do cargo, entre outras sanções - os desembargadores mantiveram as condenações do então chefe da 13ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), Dionísio Rodrigues Martins, e dos réus Cleudenir Nasato e Paulo Kioshi Arai (proprietários de centros de formação de condutores).

Ainda foram condenados quatro examinadores dos testes práticos para carteira de habilitação (Izael Martins Machado, Antônio Carlos Martins Júnior, Sandro Valério Tomaz Bernardelli e Gomes Ambrósio), além de Emerson Froemming, que era responsável por direcionar os exames práticos.

Os réus Altair Aparecido Campos Vieira e Solange Aparecida Jacon foram absolvidos. A ré Odete Bauts Claro dos Santos, funcionária do setor de legislação da 13ªCIRETRAN, foi absolvida da acusação de falsidade ideológica, mas teve mantida sua condenação por formação de quadrilha e concussão.


Ação envolvendo 900 pessoas retira famílias de favela em Sarandi

Uma megaoperação que começou na manhã desta segunda-feira (2), no Conjunto Mutirão (considerado uma favela), em Sarandi, retirou as 170 famílias que moram local. Elas se mudaram para o Residencial Mauá, bairro com casas de alvenaria construídas pelo programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal. Cerca de 900 pessoas entre policiais, bombeiros, assistentes sociais, servidores e voluntários, ajudaram no trabalho de retirada das famílias.

Logo após a retirada da familias, as casas foram domolidas pela prefeitura municipal de Sarandi.

No terreno onde estavam as casas serão, a Prefeitura pretende construir um Hospital Municipal. Além disso, parte do terreno foi doada para a Companhia da Polícia Militar, onde deve ser construída a sede da Polícia Militar de Sarandi.


Fotos: Gauchão


Ex-vereador é condenado por exigir dinheiro de assessor

O Juízo da 3ª Vara Criminal de Maringá condenou o então vereador Altamir Antônio dos Santos a três anos, quatro meses e 16 dias de reclusão pelo crime de concussão, por ter exigido parte do salário de um servidor comissionado que trabalhava em seu gabinete como assessor parlamentar. Santos ocupou o cargo entre 2001/2004 e 2005/2008.

A decisão atende ação penal proposta pelo Ministério Público do Paraná em junho de 2007. A pena de reclusão, porém, foi substituída por duas penas restritivas de direitos. Assim, o ex-vereador deve pagar multa equivalente a um salário mínimo por 40 meses a entidade pública ou privada com destinação social e a prestar serviços comunitários.

Ainda não foram definidas as entidades que receberão o dinheiro e os préstimos do ex-parlamentar. Este foi o segundo caso de condenação de político que pedia parte dos vencimentos de servidores registrado em Maringá. O primeiro foi da ex-vereadora Edith Dias de Carvalho – atualmente secretária municipal de Esporte e Lazer.


Helicóptero com cantor sertanejo cai no interior de SP

Um helicóptero caiu por volta das 15h desta segunda-feira (2) em São José do Rio Preto, interior de São Paulo. A aeronave pertence ao cantor Marrone, da dupla sertaneja Bruno e Marrone. O cantor voltava de um show em Curitiba e seguia rumo a São Paulo.

Além do cantor, estavam no acidente o piloto e o secretário de Marrone, chamado Jardel. De acordo com as primeiras informações, Marrone teria sofrido apenas ferimentos leves. O piloto sofreu um grave ferimento no pé, e foi encaminhado a hospitais da região.

O helicóptero caiu em um Parque de Exposições da cidade.