quarta-feira, 22 de junho de 2011


Sarandi

Prefeito Carlos de Paula vai assinar ordem de serviço Para a construção da escola no Alvamar

O prefeito de Sarandi, Calos Alberto de Paula Junior, esteve nesta quarta-feira (22) na Escola Municipal Helena Kolody com a chefe do núcleo regional de ensino de Maringá, Maria Inês Teixeira, para ultimar os detalhes para a assinatura da ordem de serviço para a construção da escola estadual do Parque Alvamar II.

O Colégio vai ser construído numa área de 3,4 mil metros quadrado, terá 12 salas de aula, ambiente administrativo, banheiros, laboratórios, cozinha, refeitório, quadra poliesportiva. A obra beneficiará cerca de 1,2 mil estudantes. A obra esta orçada em R$ 4 milhões de reais.

Segundo Maria Inês Teixeira, a construção desta escola no Parque Alvamar é prioritária. “Finalmente nossa escola do Parque Alvamar vai começar a ser construída. Teremos uma escola ampla e com toda estrutura para atender a demanda que é grande no município”.

Para De Paula, a assinatura para o inicio desta obra é mais uma conquista para a cidade. “Os técnicos do governo estiveram aqui em Sarandi verificando a situação de nossas escolas, esta proximidade do governo agilizou os tramites para que esta obra saísse do papel e se tornasse realidade. Serão quase dois mil alunos beneficiados com a construção desta nova escola. Tenho certeza que é só o primeiro passo, logo teremos outras escolas, teremos ampliação de outras, é a educação de Sarandi no rumo certo”, explica o Prefeito.
Marialva

Copel doa 360 mudas de árvores ao município

Atendendo solicitação da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Marialva, a Copel – Companhia Paranaense de Energia doou ao município 360 mudas de árvores das espécies Vacum, Caliandra Vermelha, Estremosa, Canela-de-cheiro, Ipê-branco, Ipê-amarelo e Peroba Rosa.

De acordo com o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Valdinei Cazelato, a doação foi feita como forma de compensação pelas árvores erradicadas e as unidades que serão retiradas, devido a implantação da nova sub estação da Copel (em construção).

As mudas de porte baixo serão plantadas sob a rede de alta tensão e as demais nas praças e passeios sem redes. Os proprietários das calçadas que tiveram as árvores removidas deverão providenciar a retirada dos tocos.

O Art. 6 da Lei Municipal 924/06, que regulamenta o espaçamento nas calçadas para o plantio de árvores, determina que para calçadas de até 3,0 metros o espaço deverá ser de 0,94x0,80 metros (0,75 m2) e para calçadas acima de 3,0 metros o espaço deverá ser de 1,0x1,0 metros (1,0 m2), observando que o plantio deverá ser sempre distante 5,0 metros de postes, esquinas e bueiros, e 2,0 metros da entrada de veículos.