quarta-feira, 29 de junho de 2011

Médicos pedem descredenciamento em massa no PR

A assembleia realizada na Associação Médica do Paraná, na noite de terça-feira (28), em Curitiba, deliberou pelo descredenciamento em massa de médicos dos planos de saúde.

Os profissionais cobravam reajuste dos honorários pagos pelas operadoras de planos e seguros de saúde, valor mínimo de R$ 100 pela consulta, além da falta de interferência na relação médico-paciente.

Estima-se que cerca de três mil médicos de diferentes especialidades deixem os planos de saúde. "Vamos encontrar mecanismos, como vai ser feito isso de maneira ordenada, para não trazer prejuízos aos pacientes. Os pacientes não podem ser penalizados em função da falta de respostas e falta de atenção às reivindicações que os médicos têm feito as operadora", disse o presidente do Sindicato dos Médicos, Mario Antonio Ferrari.

As empresas afetadas por esse descredenciamento serão: Sanepar, Copel, Cassi e Geap, Amil e todas as seguradoras de saúde (Allianz Saúde, Bradesco Saúde, Brasilsaúde, BB Seguros Saúde, Porto Seguro Saúde e SulAmérica Saúde). (com informações rádio CBN Curitiba)
Política

Marina deixa PV e adia criação de sigla para 2013

Em reunião com militantes do Movimento Marina Silva, na tarde de terça-feira (28), em São Paulo, a ex-senadora Marina Silva começou a comunicar a apoiadores e simpatizantes que deve deixar mesmo o PV na semana que vem. Ela ficará à margem de siglas partidárias até 2013, quando será articulada uma nova legenda - destinada a dar sustentação à sua provável candidatura presidencial em 2014.

O rompimento tem efeito político e ajuda a preservar o patrimônio político da ex-senadora, que saiu da eleição presidencial de 2010 em terceiro lugar, com quase 20 milhões de votos. Na prática, porém, não causa danos imediato à atual estrutura do PV: já está acertado que todos os parlamentares eleitos que apoiam Marina devem permanecer ligados à sigla pelo menos até as eleições de 2012. Aqueles que tiverem cacife para disputar cargos de prefeito ou de vereador terão o apoio dela.

Até a articulação do novo partido, em 2013, Marina ficará sob o guarda-chuva de um movimento que deverá se chamar Verdes e Cidadania. Ele também abrigará a maior parte do grupo que se filiou com ela ao PV em agosto de 2009. Dele fazem parte os empresários Guilherme Leal, que concorreu ao cargo de vice-presidente, e Ricardo Young. Este último, mesmo disputando um cargo político pela primeira vez, saiu do pleito para o Senado em São Paulo com 4,1 milhões de votos, ficando na quarta posição.

Marina viaja nesta quarta (29) para a Alemanha, onde manterá contatos com representantes de partidos verdes europeus. A volta está programada para quarta-feira da semana que vem. A data do evento público no qual será anunciada a saída do PV deve acontecer na quinta ou sexta-feira.


Marialva

Bombeirinho de Maringá participa da coleta de sangue e medula óssea em Marialva

A Associação de Colaboradores e Doadores de Sangue de Marialva (Projeto Salvando Vidas) estará realizando nesta quinta-feira(30)de junho, das 08:30 às 16:00 horas, no Rotary Club local, coleta de sangue e medula óssea. Uma equipe do Hemocentro Regional de Maringá prestará o atendimento.

Para ser doador são exigidos os seguintes requisitos: estar em boas condições de saúde; ter entre 18 e 65 anos e peso superior a 50 quilos; estar alimentado, evitando alimentação gordurosa; e apresentar documento com foto. Homens podem doar a cada 60 dias (4 vezes ao ano), e mulheres a cada 90 dias (3 vezes ao ano).

O maringaense João Daniel, de 5 anos, que se tornou personagem de uma campanha regional para cadastrar doadores de medula óssea, estará presente em Marialva . Conhecido pelo sonho de ser bombeiro e por ter sido destaque em telejornais nacionais, João Daniel tem leucemia e já passou por 11 cirurgias e tratamentos de quimioterapia.

O Bombeirinho irá desfilar pelas ruas da cidade, no alto do caminhão da Defesa Civil – Bombeiro Comunitário, e visitará o Prefeito Deca, no Paço Municipal.

A iniciativa tem o apoio do Rotary Club de Marialva, Secretaria Municipal de Saúde, diversas entidades e do comércio local.

“Esse personagem que o João Daniel escolheu para interpretar, o Bombeirinho, não é por acaso. É a profissão que salva vidas e está no ranking de maior credibilidade entre outras profissões. Com a campanha, o João está cumprindo essa missão de ajudar a salvar vidas. Convidamos todos a participar”, afirmou o Prefeito Deca.
Sarandi

Escola do Parque Alvamar Vai começar a ser construída

O Prefeito de Sarandi Carlos Alberto de Paula Junior, e os vereadores estiveram ontem (28) em Curitiba com o governador Beto Richa para assinar a ordem de serviço da construção da escola no Parque Alvamar, em Sarandi.

A construção desta escola será próxima ao Ginásio de Esportes Coelhão, a obra será construída em um terreno de nove mil metros quadrados, a construção terá 3,4 mil metros quadrados de área com 12 salas de aula, e vai atender 1,2 mil estudantes, do ensino fundamental. A obra foi orçada em R$ 4 milhões. Os recursos são do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). Os recursos foram viabilizados pelo deputado estadual dr. Batista (PMN). A construtora que vai executar a obra é a Engedelp de Maringá.

Segundo o Prefeito Carlos De Paula, o inicio da construção desta escola já foi adiado por quatro anos.” A nova escola vai desafogar o Colégio do Panorama, nós temos muitas crianças de outros bairros estudando ali . Esta é mais uma conquista para o nosso povo, e agora com esta abertura que o governo Richa tem dado a todos os municípios tenho certeza que conseguiremos muitos benefícios mais para a cidade”,explica o prefeito.

O secretário da Educação e vice-governador, Flávio Arns, disse que esse investimento é uma das etapas do esforço do governo estadual em recuperar a estrutura física das escolas. Flávio Arns também destacou a importância da liberação de recursos, em parceria com o governo federal, para construção de novas unidades de ensino. O Secretario garantiu que Sarandi, terá recursos para fazer a reforma de escolas e que até o final do ano deve ser liberado recursos para a construção da escola do Parque São Pedro.