terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Maringá

Câmara confirma suspensão de dois vereadores por excesso de faltas


O presidente da Câmara Municipal de Maringá, Mário Hossokawa (PMDB) , confirmou a suspensão por excesso de faltas dos vereadores John Alves Correa (PMDB) e Wellington Andrade (PRP). Ambos voltam aos trabalhos em 2 de fevereiro, data que marca o retorno das sessões ordinárias da Câmara, mas devem começar a cumprir a punição em seguida, assim que a mesa executiva determinar a quantidade de dias de afastamento.

Os vereadores podem pegar de sete a 21 dias de suspensão, dependendo da decisão da mesa executiva. “Nosso regimento confirma que eles não podiam faltar tanto. Por isso, vão ser suspensos”, afirmou o presidente da Casa.

Durante o ano, cada vereador pode faltar três vezes consecutivas ou dez vezes de maneira alternada nas sessões ordinárias. Correa faltou em 15 sessões e Andrade, em 23, ambos de maneira alternada. No total, 84 sessões foram realizadas no ano passado.

Eles ainda podem reverter a situação e não serem punidos, mas somente se justificarem as faltas. “Eles têm esse direito, mas dificilmente isso vai acontecer. Eles ultrapassaram muito o limite dos dez dias [alternados]”, comentou Hossokawa.

Apesar de já terem os salários das faltas descontadas, Correa e Andrade também terão o desconto na folha salarial durante os dias que vão ficar suspensos da Câmara.
John preferiu não vai se pronunciar sobre o caso, mas afirmou que justificou todas as faltas. Já Andrade também foi procurado pela reportagem, mas não atendeu às ligações.Fonte: Gazeta Maringá

Nenhum comentário: