Adolescente que sofreu abuso sexual é acusado de tentar molestar criança em Maringá 


O Conselho Tutelar de Maringá está acompanhando um caso de um adolescente de 12 anos que é acusado de tentar abusar sexualmente de um menino de oito anos. O caso aconteceu em uma escola municipal da cidade, durante o recreio, nesta segunda-feira (11). O ato não chegou a ser consumado, mas assustou a família da vítima, que foi reclamar com a direção. Segundo a diretora do colégio (dados foram mantidos em sigilo para respeitar a identidade dos envolvidos), assim que foi tomado conhecimento da situação, as famílias dos jovens foram chamadas para uma conversa. 

O adolescente negou o ato. Ele é considerado um aluno agressivo, com problemas de disciplina. O caso está sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar, e os dois alunos permanecem na escola. O que chama a atenção no caso, segundo o conselheiro Carlos Eduardo Bonfim, é o fato do adolescente acusado ter sofrido abuso sexual. "Ele foi abusado quando era criança por um rapaz mais velho", conta. Segundo ele, isso mostra que muitas das pessoas acusadas de estupro ou outros crimes sexuais, tendem a reproduzir o trauma que sofreram na infância. 

O adolescente já estava sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar por conta do abuso que sofreu e também por problemas comportamentais. "Acreditamos que ele tenha se tornado agressivo por conta das experiências ruins. A família toda dele vem recebendo tratamento psicológico. Fonte: O Diário

Comentários

As mais visitadas

Mulher é assassinada e tem galho introduzido nas partes íntimas

Feto é encontrado em estação de tratamento de esgoto

Sem cueca e usando saia, homem mostra pênis para adolescentes