segunda-feira, 2 de julho de 2012

Câmaras terão 5.070 vereadores a mais no ano que vem



Nas eleições de outubro, a população vai eleger 5.070 vereadores a mais que no último pleito, segundo um levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM). No total, serão 56.818 parlamentares, contra os 51.74O aumento no número de cadeiras nas câmaras poderia ser feito até o último dia 30, bastando, para isso, uma alteração nas leis orgânicas municipais – feitas pelos próprios vereadores. A CNM consultou todas as 2.153 cidades que poderiam aumentar o número de cadeiras. Das 2.125 que responderam a pesquisa, 1.535 confirmaram o aumento. “Desse total, 1.291 municípios aumentaram o número de vereadores até o limite máximo permitido”, destacou Paulo Ziulkoski, presidente a CNM. A mudança foi possível devido à emenda 58, que alterou ao artigo 29 da Constituição, estipulando a quantidade de vereadores de acordo com novos recortes populacionais. Antes, a primeira das três faixas que havia englobava municípios com até 1 milhão de habitantes. 

Agora, esta primeira faixa (das 24 que passaram a existir) abrange cidades com até 15.000 moradores. Segundo a estimativa populacional do último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), poderiam ter sido criadas até 8.036 novas cadeiras, o que elevaria o número final de vereadores para 59.764. Os municípios teriam a opção de aumentar ou diminuir o número de vereadores. Com o fim do prazo para a alteração da Lei Orgânica, não será mais possível mexer no número de parlamentares. A CNM está preparando um estudo sobre o impacto nos cofres públicos do aumento de cadeiras nas câmaras, porém ainda não há data para divulgação.8 eleitos em 2008 – um crescimento de 10%.Fonte: Revista Veja
Em bilhete, ladrões reclamam de ausência de cofre

Dois homens foram presos pela polícia de Alfredo Wagner, a 60 km de Florianópolis, e confessaram que invadiram uma madeireira, furtaram aparelhos eletrônicos e ainda deixaram um bilhete reclamando da ausência de um possível cofre no local. O furto aconteceu no último dia 28 e foram levados pelos bandidos um computador pessoal e alguns sensores de alarmes. Vilmar Anderson Luiz Baptista, vulgo Nego, e Nielsen Marcos de Matos, vulgo Índio, foram reconhecidos por policiais com base nas características físicas repassadas pelas vítimas do furto. Vilmar contou à polícia que foi ele o autor do inusitado recado deixado no local do crime: "Me falaram que teria um cofre aqui! Não dá nada. Fico com o not (sic) e o censor (sic) de alarme: FUI...". Os bandidos não esclareceram qual era a intenção deles ao deixar o bilhete na madeireira. No dia seguinte ao furto, a polícia localizou em um matagal da cidade o notebook, os sensores do sistema de alarmes e as ferramentas usadas pela dupla para invadir a madeireira. O proprietário da empresa disse que no dia anterior ao crime recebeu a visita de um desconhecido que perguntou sobre os preços de madeiras. De acordo com a polícia, as características dele são condizentes com as de um dos bandidos.
Paraplégico furta cadeira de rodas de Unidade de Pronto Atendimento em Maringá 

Um homem de 31 anos, que sofre de paraplegia (paralisia das pernas), foi acusado de ter furtado uma cadeira de rodas da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Maringá, na Avenida Nildo Ribeiro da Rocha. A situação aconteceu na tarde deste domingo, por volta das 14h.Segundo funcionários do UPA, o homem estava sendo atendido, mas teria fugido do pronto socorro levando a cadeira de rodas da instituição. Os policiais foram até a casa do paciente e encontraram o pai dele, que informou que já estava saindo para fazer a devolução da cadeira. Segundo a PM, o enfermeiro responsável pela unidade não quis que o acusado fosse encaminhado para a delegacia, pois este estava com a saúde debilitada, e também porque a cadeira de rodas foi devolvida sem danos.

Com informações: O Diário de Maringá
Maringá e outras duas cidades receberão delegacias de homicídio

Três cidades do interior do estado receberão reforço para a solução dos crimes de homicídio. Além de Curitiba e Foz do Iguaçu, os municípios de Londrina, Maringá e Cascavel contarão com delegacias especializadas na área. As unidades serão entregues até, no máximo, a segunda quinzena de julho, de acordo com a Divisão de Polícia do Interior. O decreto 4.904, que cria as delegacias de homicídios nesses municípios, foi publicado em 6 de junho e está dentro do plano de ação para a redução do número de homicídios em todo o estado. A meta da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp), até 2015, é reduzir para 21,5 o índice de mortes dolosas por 100 mil habitantes no estado. Só no primeiro trimestre deste ano, de acordo com o relatório apresentado pela Sesp, o Paraná contabilizou 29,5 assassinatos por 100 mil moradores. A decisão atende uma demanda já antiga dos municípios, que cresceram economicamente e aumentaram sua população, mas ainda não tinham uma estrutura especializada para a solução de homicídios. Também o aumento dos casos nesses três municípios tem preocupado a Secretaria. De janeiro a maio deste ano, segundo a Sesp, Cascavel teve 67 assassinatos; Londrina, 46; e Maringá, 24. Nestas cidades, a divisão de homicídios era apenas um setor dentro das subdivisões.
Campo Mourão oficializa quatro candidatos a prefeito

Quatro candidatos vão disputar o cargo de prefeito de Campo Mourão nas próximas eleições. Os nomes foram apresentados no sábado (30), durante as convenções partidárias. São eles: Tauillo Tezelli (PPS), Regina Dubai (PR), José Turozi (PV) e Devalcir Leonardo (PSOL). A coligação entre PMDB, PDT e PTN e o prefeito Nelson Tureck (PSD) apoiam Regina Dubai, a atual vice-prefeita. O candidato a vice é Rodrigo Salvadori (PSD). Tauillo Tezelli, prefeito de 1997 a 2005, conta com o apoio do governador Beto Richa (PSDB) para voltar ao cargo. Sua vice é Jurema Lopes, pastora e esposa do ex-vereador André Portes (PPS). Turozi é presidente licenciado da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e foi candidato a deputado federal em 2010. O vice é o empresário Osni Menezes (PSC). Fundado no ano passado em Campo Mourão, o PSOL lança o presidente do partido Devalcir Leonardo. Dorival Martins Carneiro é o vice.
CANDIDATOS A PREFEITO E VICE PARA ELEIÇÕES 2012 EM SARANDI


Prefeitura assina ordem de serviço para asfalto do Jardim Verão

A Prefeitura Municipal de Sarandi, assina nesta terça-feira (3) de julho a ordem de serviço para a pavimentação asfaltica do Jardim Verão. A solenidade será às 9 horas em frente à Escola Municipal José de Anchieta, Avenida das Samambaias, 457. 

Com informações: Assessoria de Comunicação de Sarandi
PDT une 14 partidos para reeleger Carlos de Paula 


Centenas de pessoas participaram da convenção do PDT em Sarandi, 14 partidos se uniram para apoiar a candidatura à reeleição do prefeito Carlos de Paula (PDT), e seu vice Luiz Carlos Aguiar (PPS).“A transformação precisa continuar” será o slogan da campanha. A coligação ficou assim: Coligação eleição majoritária- PDT/PPS. Coligação Eleição Proporcional- PMDB/PHS/PSB/PMN – PRB/PC do B – PDT/PP – PPS/PSD –PSC/DEM/PSDC.