ZELADORA É DENUNCIADA POR TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Uma empregada doméstica de Maringá acusou uma zeladora de um edifício de tentar matá-la por meio de uma compota de figo. O caso foi registrado na tarde desta segunda-feira (25) na 9ª Subdivisão Policial (SDP). À Polícia Civil, a empregada doméstica relatou que trabalha em um prédio na Rua Marechal Floriano Peixoto, na Zona 7, e disse que, na sexta-feira (22), por volta das 14h, a zeladora apareceu no apartamento em que trabalha, oferecendo-lhe dois potes do doce. A acusada afirmou que teria ganhado a compota, mas que ninguém na casa dela comeria figos, e teria que dar para alguém. A empregada doméstica aceitou o doce e, ao desocupar os potes para devolver, constatou que, em meio ao figo, havia cacos de vidro moído. A vítima contou ainda à Polícia Civil que não comeu o figo, e não sabe porque a zeladora colocou vidro na compota. O caso foi registrado como perigo para a vida ou saúde de outrem, crimes contra a pessoa. A empregada doméstica se comprometeu a levar os doces para análise do instituto de criminalística.

Fonte: O Diário de Maringá

Comentários

As mais visitadas

Jovem morre ao ser atingido por raio

Estudante é levado à delegacia por ato obsceno dentro de biblioteca de universidade, em Maringá

CRM-PR retira indicativo de interdição ética da UPA de Sarandi