Programa sexual acaba em calote e agressão em Maringá

A Polícia Civil de Maringá abriu inquérito para investigar uma denúncia de lesão corporal registrada por um profissional liberal de 20 anos, na manhã desta sexta-feira (14), na 9ª Subdivisão Policial (SDP). O rapaz disse que foi agredido após um programa sexual com um desconhecido. Na delegacia, o profissional liberal relatou que foi contratado para ir até o apartamento do agressor durante a madrugada para um programa. Segundo ele, após a consumação do ato, o contratante se recusou a pagar os R$ 50,00 referentes ao programa e expulsou a vítima do apartamento. O rapaz disse que foi agarrado pelas pernas e arrastado pela escadaria até a portaria do prédio. O denunciante não soube informar o nome do agressor e nem o endereço do apartamento. Ele informou apenas que o prédio fica próximo à praça Sete de Setembro - também conhecida como Praça do Peladão. O caso de agressão será investigado pela polícia.

Fonte: O Diário online

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica