terça-feira, 9 de abril de 2013

PARANÁ TERÁ UM DEPUTADO A MENOS NA CÂMARA FEDERAL A PARTIR DE 2014

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu mudar a quantidade de deputados federais de 13 Estados do país. A alteração foi aprovada por cinco votos a dois, em sessão nesta terça-feira (9), em Brasília.A nova representação de cada Estado na Câmara dos Deputados baseia-se na população de cada unidade da federação medida pelo Censo de 2010, feito pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatástica). A composição tinha como referência a população de 1988. Os Estados de Alagoas, Espírito Santo, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul perderão uma cadeira nas próximas eleições legislativas, que acontecem em 2014 (veja o representação de cada Estado na tabela ao lado). Paraíba e Piauí perdem dois parlamentares cada. Amazonas e Santa Catarina vão ganhar uma cadeira a mais. Já o Ceará e Minas Gerais vão poder eleger mais dois deputados em 2014. O Estado mais beneficiado foi o Pará, que terá representação aumentada de 17 para 21 deputados. As demais unidades permanecem com o mesmo número de parlamentares. A decisão foi tomada no julgamento de uma petição que foi proposta pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas. A Assembleia pediu a redefinição das cadeiras de acordo com critérios atualizados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Atualmente, as cadeiras estão divididas de acordo com dados do IBGE do fim da década de 1980. As ministras Nancy Andrighi, Laurita Vaz e Luciana Lóssio e os ministros José Antonio Dias Tofolli e Henrique Neves votaram a favor da alteração. Segundo esses votos, é necessário atualizar a representação na Câmara de acordo com os dados populacionais do censo de 2010. Já a presidente do TSE, ministra Cármen Lùcia Antunes Rocha, e o ministro Marco Aurélio Mello foram contrários. "Aqui não está o Congresso Nacional", protestou Marco Aurélio. "A República está assentada em três Poderes. São harmônicos e independentes. A Constituição delimita o campo de atuação e cada Poder e o faz em bom vernáculo", completou, criticando a decisão da maioria. Os Estados insatisfeitos com a mudança podem recorrer ao STF (Supremo Tribunal Federal). (Com Valor)





UNIDADEDEPUTADOS HOJEA PARTIR DE 2014
São Paulo7070
Minas Gerais5355   (+2)
Rio de Janeiro4645   (-1)
Bahia3939
Rio Grande do Sul3130   (-1)
Paraná3029   (-1)
Pernambuco2524   (-1)
Ceará2224   (+2)
Pará1721   (+4)
Maranhão1818
Goiás1717
Santa Catarina1617   (+1)
Paraíba1210   (-2)
Piauí108    (-2)
Espírito Santo109    (-1)
Alagoas98    (-1)
Amazonas89    (+1)
Acre88
Amapá88
Distrito Federal88
Mato Grosso do Sul88
Mato Grosso88
Rio Grande do Norte88
Rondônia88
Roraima88
Sergipe88
Tocantins88
TOTAL513513


EX-VEREADOR ZEBRÃO É ACUSADO DE DISCRIMINAÇÃO

O padre Luiz Azevedo,da Paróquia São Pulo Apóstolo de Sarandi fez um desabafo na página do Facebook, onde ele diz. “Ontem fiquei muito triste. Um casal da paróquia que tem filhos que joga futebol, foram participar em Maringá e os meninos foram discriminados por serem de Sarandi por um vereador.Na Quero ver a justiça acontecer. Pois, muitas vezes a sociedade se cala quando algumas autoridades estão a frente de alguns erros. Espero que os pais que denuncie ao juizado de menor. Discriminação de criança é crime.” O padre referia-se, na verdade, ao ex-vereador Zebrão, assessor do prefeito de Maringá, Carlos Roberto Pupin, que dirige o time do Metropolitano, que está na Segunda Divisão do Paranaense. Uma testemunha que presenciou o episódio o empresário Sarandiense Leandro, dono da Empresa Lira Pet, me concedeu entrevista no meu programa de rádio na BANDA 1 AM 1090, onde relatou o corrido. 

 OUÇA AQUI A ENTREVISTA

NA PRÓXIMA SEGUNDA-FEIRA 15, O PROJETO AMOR EXIGENTE É ASSUNTO EM MEU PROGRAMA DE RÁDIO

Na próxima segunda-feira dia 15, assunto que vou abordar em meu programa de Rádio na BANDA 1 AM 1090, É O Projeto Amor Exigente.O Amor-Exigente é um programa de auto e mútua ajuda que desenvolve preceitos para a organização da família, que são praticados por meio dos 12 Princípios Básicos e Éticos, da espiritualidade e dos grupos de auto e mútua-ajuda que através de seus voluntários, sensibilizam as pessoas, levando-as a perceberem a necessidade de mudar o rumo de suas vidas e do mundo, a partir de si mesmas. Para falar sobre o tema, vou receber em meu Programa que começa as 7:30 da manhã e vai até as 10 horas, a conselheira Tutelar Regina, juntamente com a coordenadora do Projeto.A entrevista será depois da 8 horas, não percam.

 OUÇA PROGRAMA VALDIR COSTA NA BANDA 1 AM 1090.

http://www.banda1am.com.br/