segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Tragédia: bebê morre após ser atropelado por pai em garagem

Um bebê de um ano e 5 meses morreu nesta segunda-feira após ser atropelado pelo pai na garagem da casa da família no bairro Restinga, na zona sul de Porto Alegre. Segundo a Polícia Militar, o homem estava tirando o carro do local e não viu a criança atrás do veículo. O automóvel passou por cima do menino, que foi arrastado por alguns metros. De acordo com a polícia, o bebê chegou a ser socorrido para o Hospital Moinhos de Vento da Restinga, mas não resistiu aos ferimentos. O acidente ocorreu por volta das 13h30, na rua Dona Mariana. O pai se apresentou à Polícia Civil e foi liberado em seguida. O caso foi registrado na Delegacia de Delitos de Trânsito e será investigado.

Fonte: Terra

Cada aparição de Dilma em rede nacional custa R$ 90 mil



A estratégia da presidente Dilma Rousseff de aparecer cada vez mais em pronunciamentos em rede nacional de rádio e televisão custou até agora R$ 1,2 milhão aos cofres públicos desde o primeiro ano de seu mandato, em 2011. Cada vez que a presidente vai à TV, o Palácio do Planalto desembolsa R$ 90 mil com produção, gravação, edição, computação gráfica, trilha, locução, equipe e equipamentos. No domingo (29) Dilma fez seu 17º pronunciamento desde que tomou posse. Veja o vídeo Trata-se de uma média que supera cinco aparições por ano. Seus antecessores, Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Henrique Cardoso, registraram uma média inferior a três pronunciamentos de TV anuais. Nas aparições de 2013, além da que foi ao ar ontem, Dilma divulgou medidas de impacto de seu governo, como a redução da tarifa de energia (23 de janeiro), a desoneração da cesta básica (8 de março) e a promessa de destinar dinheiro do pré-sal para a educação (1º de maio). Foi à TV também para dar uma resposta às manifestações (21 de junho), para exaltar a criação do programa Mais Médicos (6 de setembro) e para comemorar a conclusão do primeiro leilão do pré-sal (21 de outubro). O pronunciamento de 21 de junho, em meio às manifestações, foi o mais atípico. A aparição foi organizada às pressas e não contou com a superprodução de R$ 90 mil. Naquela oportunidade, quem produziu tudo foi a EBC/NBR, estatal de comunicação, “pois não havia tempo hábil para a mobilização de uma das agências contratadas”, segundo a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República. Em condições normais, é a secretaria que fica responsável por contratar uma agência para a produção dos pronunciamentos da presidente. O senador Aécio Neves (MG), provável candidato tucano à Presidência, é crítico da estratégia de Dilma. Ele acusa a presidente de contrariar a legislação em vigor e apropriar-se “indevidamente” da rede para fins eleitorais. Para a Secretaria de Comunicação, porém, a presidente vale-se da prerrogativa dos pronunciamentos “quando há necessidade de comunicar fatos relevantes de interesse nacional”. Decreto de 1979 prevê que as emissoras de radiodifusão poderão ser convocadas para transmitir gratuitamente pronunciamentos do presidente da República e dos presidentes da Câmara dos Deputados, do Senado Federal e do Supremo Tribunal Federal, quando o objetivo for a “divulgação de assuntos de relevante importância”. Em dezembro de 2012, o valor gasto pelo governo para produzir um pronunciamento passou de R$ 58 mil para os atuais R$ 90 mil - quase 56% de aumento. A Secretaria de Comunicação diz que houve “atualização de valores”, “uma vez que os preços até então praticados remontavam ao ano de 2008”. A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2008 a 2012 foi de 32%.

Governo eleva IOF para saque em moeda estrangeira e cartão pré-pago

O Ministério da Fazenda anunciou nesta sexta-feira (27) que será elevada de 0,38% para 6,38% a alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) incidente nos pagamentos em moeda estrangeira feitas com cartão de débito, saques em moeda estrangeira no exterior, compras de cheques de viagem (traveller checks) e carregamento de cartões pré-pagos com moeda estrangeira. Com a medida, essas operações passam a ter a mesma tributação que hoje incide sobre os cartões de crédito internacionais. Segundo o governo, o objetivo é evitar "que um meio de pagamento seja preterido por outros em decorrência de sua estrutura de tributação". A medida passa a valer a partir desta sábado (28).As compras de moeda estrangeira em espécie feitas no mercado de câmbio brasileiro não sofrerão alteração na sua tributação. Ou seja, seguem com alíquota de 0,38%. Segundo a Fazenda, a medida resultará em uma arrecadação adicional estimada em R$ 552 milhões por ano.

Mega da Virada promete para este ano mais de R$ 200 milhões



Ainda dá tempo de tentar a sorte grande com a Mega-Sena da Virada. As apostas para o sorteio podem ser feitas até as 14 horas desta terça-feira (31) em qualquer lotérica do país. Clientes de conta corrente pessoa física da Caixa Econômica Federal podem ainda fazer suas apostas pelo Internet Banking, tamSegundo a Caixa, o concurso especial promete para este ano mais de R$ 200 milhões, valor que, aplicado em poupança, renderia cerca de R$ 1,2 milhão por mês. A Mega da Virada será sorteada às 20h25 (horário de Brasília) desta terça, em São Paulo. Segundo a assessoria de imprensa da Caixa no Paraná, o sorteio será transmitido ao vivo por todos os canais de tevê aberta. O prêmio da Mega da Virada não acumula. Por isso, caso não haja ganhador com as seis dezenas sorteadas, o valor será somado ao rateio dos acertadores de cinco números, e assim por diante.

Pai e filha morrem em acidente; mãe teria puxado freio de mão de carro



Uma família do Paraná se envolveu em um acidente na tarde deste domingo (29), na BR-116, em Itaiópolis (SC). Eles estavam em um Corsa Sedan, com placas de Curitiba, que colidiu de frente com um Voyage, com placas de Papanduvas (SC). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a batida teria sido provocada pela mãe da família. Ela tinha acabado de sair de uma clínica de reabilitação, sofreu um surto dentro do carro e puxou o freio de mão do veículo que invadiu a pista contrária. Morreram o pai, Joelson Roque Ey de Oliveira, de 38 anos, que conduzia o Corsa Sedan, e a filha de 9 anos. A mãe, de 38 anos, sofreu ferimentos graves, e um outro filho, de 14, se machucou levemente. No Voyage estavam três pessoas. Uma passageira de 25 anos teve ferimentos graves. O motorista, de 38, e outra passageira, de 20, tiveram ferimentos leves.