Padre é preso por estupro de vulnerável



O padre Durvalino Rodrigues, de Goioerê, foi preso por policiais civis e militares, por volta das 12 horas deste domingo (25) e encaminhado para a carceragem da 14 DP. Ele é acusado de estupro de vulnerável e já vinha sendo investigado em um inquérito policial, que foi instaurado em fevereiro deste ano, motivado por denuncias de abuso sexual contra uma menina de 10 anos de idade. Durvalino, que estava afastado das funções de padre, foi preso na própria casa, na Avenida Amazonas, Jardim Lindoia, em Goioerê. Os policiais cumpriram um mandado de prisão expedido pela justiça da comarca. Ainda segundo informações, a criança, que não teve a identidade revelada, teria sido ouvida pela justiça e confirmado as suspeitas contra o padre.

Comentários

As mais visitadas

Petrobras anuncia novo reajuste na gasolina; preço sobe 7%