sábado, 20 de setembro de 2014

Barbosa Ferraz: Homem é executado dentro da própria casa com 4 tiros na cabeça

Por volta das 08h30min da manhã deste sábado (20), policiais militares de Barbosa Ferraz foram chamados por moradores vizinhos ao local onde aconteceu o crime, onde uma criança de aproximadamente nove anos de idade saiu chorando do interior da residência da vítima, pedindo ajuda.No local os policiais encontraram a criança e no interior da casa, sobre um colchão que estava no chão da sala, o corpo de Ederson de Souza Braz, de 32 anos de idade, com muito sangue na região da cabeça e sobre o lençol. Com a chegada do investigador de polícia civil, em um primeiro momento foi constatado que Braz foi atingido com pelo menos quatro disparos de arma de fogo na cabeça. A perícia no local do crime verificou duas perfurações na nuca, cerca de 10 cm abaixo da orelha esquerda, uma perfuração ao lado da orelha esquerda (esta apresentava queimadura na orelha, demonstrando que o tiro foi dado com o cano da arma encostado na cabeça) e outra perfuração na face. A polícia encontrou ainda sobre uma mesa da cozinha, a camiseta que a criança vestia na noite do crime, toda ensanguentada, o que demonstra que o garoto estava deitado ao lado do pai quando aconteceu o crime. Muito apavorado e em estado de choque a criança não pode dar muitas explicações sobre o crime, mas disse que seu pai estava na companhia de outro homem durante a noite, mas que dormiu. A polícia ainda suspeitou que apesar do garoto negar que tem presenciado o crime, ele pode ter sido ameaçado pelo assassino e passou a noite toda dentro da casa, ao lado do corpo do pai. De acordo com a posição do corpo da vítima, percebe-se que Braz poderia estar dormindo abraçado ao filho e o assassino estaria sentado em um sofá, nas costas da vítima, efetuando os disparos a queima roupa. Uma moradora vizinha disse que por volta das 23 horas de ontem, escutou o barulho do que pareciam seis disparos de arma de fogo, mas não conseguiu perceber se teriam ocorrido dentro da casa. O investigador de polícia, Luiz Altino, ele disse que a polícia já tem o suspeito do crime, mas não pode dar mais informações para não atrapalhar as investigações.moradores da região, foi nos dito que a vítima já teve passagens pela polícia por envolvimento com drogas e recentemente foi detido após ter se desentendido com a ex-mulher. Braz trabalhava como cortador de cana e morava sozinho; nos finais de semana trazia o filho para ficar com ele. O corpo foi encaminhado ao IML de Campo Mourão.







Nenhum comentário: