Notícias policiais

Pai é preso suspeito de estuprar a filha há anos 

 Familiares conseguiram resgatar uma jovem de 24 anos nesta quinta-feira (20) em Moreira Sales. Relatos da Polícia Militar apontam que a moça era mantida em cárcere privado e estuprada pelo próprio o pai. O homem de 53 anos acabou preso quando seguia em seu carro para uma cidade vizinha. Ele estava acompanhado da esposa. A mulher passou mal e precisou de atendimento médico ao saber da situação. O caso foi encaminhado à delegacia de Goioerê. Os crimes teriam começado há cinco anos. O suspeito escondia os documentos da filha e fazia ameaças caso ela revelasse os abusos. A família conseguiu descobrir a situação depois que a jovem conseguiu repassar uma carta contando a história. Ela inclusive chegou a pensar em suicídio. A vítima receberá acompanhamento psicológico. O pai deve ser indiciado pelos crimes de cárcere privado e estupro.

 Casal morre ao encostar antena de celular na rede elétrica 


 Marido e mulher morreram vítimas de uma forte descarga elétrica na noite desta quinta-feira (20) na zona rural de Ipiranga. O casal transportava uma antena de celular para conseguir sinal para fazer ligações quando encostou na rede elétrica. A Polícia Militar informou que o choque elétrico matou os dois instantaneamente. A Copel precisou ser acionada para fazer o desligamento da rede e retirar a antena da fiação. O local foi isolado até a chegada do Instituto de Criminalística. Os corpos dos dois foram levados ao IML de Ponta Grossa. A mulher estava grávida de 6 meses. 

 Adolescente agride idosa a tijoladas 


 Uma discussão entre vizinhos acabou com uma idosa agredida e um adolescente detido. O caso aconteceu nesta quinta-feira (20), no Jardim Paulino, em Campo Mourão. A mulher de 65 anos relatou ter sido ferida a tijoladas. Ela acionou a Polícia Militar e relatou que o agressor havia sido um adolescente de 15 anos. O jovem foi apreendido e levado para a delegacia para prestar esclarecimentos. A idosa com ferimentos importantes nos braços precisou de encaminhamento ao hospital. 


 Rede de tráfico é desmontada em Sarandi 


 De acordo com informações de Roberto Silva do o Diário , uma operação desencadeada pela equipe Antitóxicos da Delegacia de Sarandi - região metropolitana de Maringá - terminou com a apreensão de 22 quilos de maconha e na prisão de dois rapazes, de 18 e 21 anos. Um adolescente de 15 anos também foi apreendido ao tentar impedir a apreensão do entorpecente e incitar a população contra os policiais. Segundo o delegado de Sarandi, Reginaldo Caetano da Silva, a operação foi fruto de um trabalho de investigação que durou cerca de 40 dias. "Descobrimos que um grupo havia montado um novo centro de distribuição de droga em uma residência localizada na Rua Estrela Dalva, Jardim Bom Pastor, e passamos a monitorar as atividades diuturnamente", explicou. Ainda segundo o delegado, ontem pela manhã, a Polícia Civil recebeu informações de que um novo carregamento de droga havia chegado na residência e os agentes decidiram averiguar. No entanto, ao tentar entrar no imóvel os policiais foram abordados por um adolescente, que além de exigir ordem de busca e apreensão, passou a proferir gritos e ofensas à equipe. Após apreender o garoto, os policiais encontraram 21 tabletes de maconha no quintal da casa. Os pacotes estavam sujos de barro, indicando que a droga havia acabado de ser desenterrada. "Todo este volume seria revenido para vários pontos de tráfico, porque o grupo tentava montar um cartel das drogas na cidade", frisou Caetano. Com mais esta operação, a equipe Antitóxicos elevou para 15, o total de prisões em um período de apenas três meses. O trabalho também resultou na apreensão de um grande volume de drogas e armas.



Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse