sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Festa de Reis e de Viola de Sarandi será nos dias 8 e 9



A Secretaria Municipal de Juventude Esportes e Lazer de Sarandi realiza nos dias 8 e 9 de fevereiro o 33º Festival Regional de Folia de Reis e o 3º Festival de Viola e Violão. Cerca de 30 companhias devem participar da mostra, que deixou de ser competitiva, e se tornou um festival, valorizando todos os participantes. Sarandi é a Capital Turística e Folclórica da Festa de Santos Reis o título foi dado ao município pelo ex deputado estadual Ricardo Maia, o festival é considerado um dos maiores do Paraná. O objetivo é manter viva a tradição dos reizados, que foi bastante forte no período de colonização das cidades do noroeste paranaense. A Folia de Reis é um festejo inspirado na passagem bíblica onde Jesus recém-nascido é visitado por três reis magos. O Festival acontece na Praça Ipiranga, na quadra coberta, no dia 8 sábado acontece o 3º Festival de Viola e Violão as 20horas. E no domingo 9, a partir das 9 horas na Quadra Coberta da Praça Ipiranga – Centro acontece o 33º Festival Regional de Folia de Reis.Não é cobrada qualquer taxa de inscrição todas as companhias participantes do festival recebem uma ajuda de custo de R$ 500,00 e ganham almoço no local. SEJUV - Secretaria Municipal de Juventude, Cultura, Esporte e Lazer - Fone: (44) 3905-1903. 

Com informações: Assessoria de Comunicação de Sarandi

Dilma e PT temem onda de violência na Copa e dano eleitoral




Temendo reflexos negativos na eleição de outubro, o Palácio do Planalto e o PT se mobilizam para evitar atos de repressão policial violentos com potencial de gerar uma onda de manifestações durante a Copa do Mundo. No início de fevereiro, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, vai se reunir com secretários de Segurança dos 12 Estados-sede para firmar um protocolo de atuação policial frente as manifestações. Para este sábado estão previstos 36 protestos contra a Copa em todos os Estados do País e no Distrito Federal. Convocadas por meio do Facebook sob o slogan #naovaitercopa, as mobilizações cresceram nas redes sociais. Mais de 20 mil pessoas confirmaram participação no ato de São Paulo marcado para 17h, no vão livre do Masp. O Planalto dá como certa a ocorrência de protestos durante o torneio. A avaliação de Dilma e seus assessores é de que a ocorrência de manifestações pontuais não compromete a imagem da presidente. Já uma nova onda nacional de protestos pode causar graves danos às vésperas das eleições presidenciais. Por isso a preocupação do governo com a possível repressão violenta. Assessores de Dilma lembram que, no ano passado, os protestos estavam localizados em São Paulo até que a ação policial desproporcional provocou uma onda de atos de solidariedade em todo o País.

Maringá recebe R$ 170 mi em novos investimentos



Maringá, de novo, passa a frente de Londrina na atração de novos investimentos. Até 2016, a cidade terá quatro novos hotéis de porte: Tulipp Inn, com 228 apartamentos, o Isis Budget (180), Pérola Hotel (200), Sleep Inn e (146). O crescimento de Maringá como polo de compras, saúde e educação, e nova referência para eventos de negócios, impulsionaram os novos investimentos que podem chegar a R$ 130 milhões. Já a rede de supermercados Cidade Canção vai investir R$ 35 milhões em quatro lojas no Noroeste, duas em Maringá. As outras unidades serão em Paiçandu e Jandaia do Sul. O BNDES aprovou financiamento de R$ 11,7 milhões para a construção das lojas.

Dilma vai aumentar gasolina em junho

O governo e a Petrobras estimam para junho um novo aumento da gasolina e do diesel. O calendário, que não foi divulgado ao mercado, integra um dos pontos do mecanismo aprovado em dezembro pelo conselho de administração da empresa, presidido pelo Ministério da Fazenda. Na reunião de dezembro, o conselho iniciou uma nova política de preços com o reajuste de 4% para a gasolina e de 8% para o diesel. À época, a estatal afirmou que o mecanismo fora adotado para garantir a "convergência dos preços internacionais ao mercado doméstico", há tempos defasado, e "assegurar a redução do nível de endividamento da estatal no prazo de 24 meses". Segundo a Folha apurou junto a integrantes da equipe econômica, o calendário passou a preocupar mais a cúpula do Executivo após o reajuste do mês passado ter sido um dos vilões do aumento da inflação em 2013. Uma saída, segundo setores do governo, seria antecipar o aumento, talvez para março, diluindo assim o impacto do reajuste sobre a campanha de reeleição de Dilma Rousseff. Evitar a pressão inflacionária em ano de sucessão é uma das obsessões da presidente da República. Nas avaliações internas, a principal força eleitoral da campanha pela reeleição vem do baixo índice de desemprego e do estável nível de renda da população, variável sempre impactada quando há pressão nos preços.

Administração de Sarandi cria Corregedoria e Ouvidoria da Guarda Municipal

A Prefeitura Municipal de Sarandi criou a Corregedoria e Ouvidoria da Guarda Municipal, que foi aprovada pela Câmara de vereadores em sessão extraordinária no último dia 17 de Janeiro. A lei complementar 293/2014, foi criada para que os agentes tenham autorização para o uso de armas letais. A Corregedoria e Ouvidoria vão funcionar junto ao gabinete do Secretario Municipal de Trânsito e Segurança Pública. A função será receber denuncias da população, reclamações sobre atos considerados arbitrários, desonestos, indecorosos ou que violem os direitos humanos individuais ou coletivos praticados por servidores da Guarda. Também vai receber sugestões sobre o funcionamento dos serviços da Guarda, dos servidores municipais, inclusive da guarda e receber denuncia a respeito de atos irregulares praticados na execução dos serviços inclusive por superior hierárquicos. Depois de serem investigados os atos da Corregedoria podem propor aos órgãos competentes da administração a instauração de sindicâncias, inquéritos e outras medidas necessárias para a apuração das irregularidades. Vai ser mantido um serviço telefônico gratuito destinado a receber as denuncias e reclamações garantindo o sigilo da fonte de informação. A Corregedoria e Ouvidoria serão dirigidas por profissional autônomo e independente, com dedicação exclusiva, vedada qualquer outra atividade remunerada com exceção do magistério, que será nomeado e exonerado pelo prefeito municipal, sem a necessidade de concurso público. 

Com informações: Assessoria de Comunicação de Sarandi

Ex-vereador é condenado à prisão



O ex-presidente da Câmara Municipal de Guarapuava, na região central do Paraná, Admir Strechar, foi condenado a cinco anos de prisão em regime semiaberto pela Justiça. Ele foi condenado pelo crime de peculato. A decisão da 1ª Vara Criminal de Guarapuava é do dia 10 de dezembro, mas só foi divulgada pelo Ministério Público do Paraná nesta quinta-feira (23). O esquema foi descoberto durante a “Operação Fantasma”, realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Guarapuava, em outubro de 2011. A operação tinha o objetivo de investigar um esquema de apropriação indevida de parte dos salários de funcionários da Câmara da cidade, por Durante o processo, outras denúncias foram feitas contra o ex-vereador, entre elas a de que ele estaria utilizando dinheiro público para equipar carros. O Ministério Público entrou com várias ações pedindo a condenação do ex-vereador e duas delas foram pela colocação de pneus nos carros particulares de Strechar.um grupo de ex-vereadores.

Mala com espigas de milho mobiliza esquadrão anti bombas em Maringá


Foto O Diário de Maringá
De acordo com o Diário, a mala que foi abandonada em uma praça de Maringá e mobilizou a Polícia Militar (PM) devido a uma suspeita de bomba continha apenas uma lata de cerveja vazia e algumas espigas de milho. Na noite de quinta-feira (23), uma equipe técnica do Batalhão de Operações Especiais (Bope) de Curitiba examinou o objeto e constatou que não se tratava de artefato explosivo.A Praça de Todos os Santos, ao lado do Cemitério Municipal, na Avenida Cerro Azul, foi isolada por volta das 13h, após a denúncia de um comerciante que teria visto uma idosa abandonar a mala de cor roxa no gramado por volta das 7h30. A mulher não voltou para buscá-la, e o homem denunciou o caso à PM. A praça e os arredores foram isolados, e agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Segurança (Setrans) orientavam o trânsito nas proximidades.De acordo com o chefe de comunicação social da PM, tenente Fábio José Ribeiro, os dois técnicos do Bope, especializados em técnicas de explosivos, chegaram a Maringá por volta das 22h. Com o auxílio de um equipamento de raios-x próprio para identificação de artefatos explosivos, foi constatado que a mala não continha uma bomba. "Diante da denúncia, não podemos colocar em risco integridade física do policial, e que dirá do cidadão. Então, fizemos isolamento do local para agir dentro de um padrão técnico e aceitável. Felizmente, não havia explosivo", diz o tenente. A mala foi levada à sede do 4ª Batalhão, e descartada posteriormente. O local foi liberado em seguida, e os técnicos retornaram à capital ainda na noite de ontem.

Servidoras são denunciadas por agredir crianças no Paraná

O Ministério Público do Paraná denunciou duas servidoras públicas municipais de Lunardelli, no Norte-Central do estado, por lesão corporal e constrangimento. Os delitos teriam sido cometidos contra quatro crianças que frequentavam as atividades do programa de erradicação do trabalho infantil do Ministério do Trabalho, na instituição Cantinho Agrícola, e que eram monitoradas pelas servidoras. A Promotoria de Justiça da comarca São João do Ivaí, que responde pelo município, já havia recebido denúncias sobre casos de agressões e castigos praticados por funcionários do Cantinho Agrícola, local onde as crianças participavam de atividades no contraturno escolar. A ação só foi fundamentada, porém, a partir de depoimentos e laudos colhidos sobre um caso ocorrido no dia 29 de novembro. No episódio, quatro crianças entraram em uma caixa d’água, aproveitando-se do descuido de uma das responsáveis, e, enquanto brincavam, quebraram a boia do recipiente. Segundo a denúncia, as funcionárias responsáveis ficaram nervosas e esfregaram a bóia danificada na boca das crianças, além de usá-la para bater em suas cabeças. A Promotoria de Justiça de São João do Ivaí encaminhou a denúncia para o juiz de direito da Vara Criminal da comarca. As servidoras foram denunciadas pelos delitos de lesão corporal e por submeter as crianças a constrangimento. Se a denúncia for acatada, as funcionárias devem, dentre outras medidas, permanecer afastadas do Cantinho Agrícola.

Fonte: Bonde