quinta-feira, 1 de maio de 2014

Duas apostas da mesma cidade dividem prêmio da Mega-Sena



Duas apostam acertaram as seis dezenas da Mega-Sena, em sorteio válido pelo concurso 1.595, realizado na cidade de Osasco, na noite desta quarta-feira (30). O prêmio de R$ 22 milhões saiu para dois sortudos de Ribeirão Preto (SP). Os números sorteados foram: 02 – 05 – 08 – 42 – 46 – 59. Cada um vai receber R$ 10.975.751,52. 236 pessoas acertaram a quina e vão receber R$ 11.739,12. Outros 12.387 apostadores fizeram quatro dezenas e vão receber R$ 319,48. Para o próximo sábado (3), o prêmio está estimado em R$ 2 milhões. A aposta mínima custa R$ 2 e pode ser feita em qualquer lotérica do Brasil até as 19 horas do dia do sorteio.

Na TV, Dilma anuncia aumento de 10% no Bolsa Família



Em pronunciamento em rede nacional de rádio e TV, nesta quarta-feira (30), a presidenta Dilma Rousseff anunciou que vai corrigir a tabela do Imposto de Renda e atualizar os valores pagos aos beneficiários do Programa Brasil sem Miséria. Segundo ela, a correção trará um "importante ganho salarial indireto e mais dinheiro no bolso do trabalhador", favorecendo quem vive da renda do trabalho. O discurso é para marcar o Dia do Trabalho, celebrado hoje (1º). "Acabo de assinar uma medida provisória corrigindo a tabela do Imposto de Renda, como estamos fazendo nos últimos anos, para favorecer aqueles que vivem da renda do seu trabalho. Isso vai significar um importante ganho salarial indireto e mais dinheiro no bolso do trabalhador", disse. No último dia 10 de março, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou com uma ação direta de inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo a correção da tabela para os isentos do pagamento de imposto de renda, segundo a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). A OAB alegou que há defasagem acumulada de 61,24% no cálculo durante o período de 1996 a 2013, de acordo com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Se a correção for feita como pedido pela OAB, estarão isentos contribuintes que ganham até R$ 2.758, e não R$ 1.787 como é hoje. "Assinei também um decreto que atualiza em 10% os valores do Bolsa Família recebidos por 36 milhões de brasileiros beneficiários do Programa Brasil sem Miséria", declarou Dilma, programa que, segundo a presidenta, vai garantir que esses cidadãos continuem acima da linha da extrema pobreza, definida pela Organização das Nações Unidas. O programa garante às famílias renda mínima de R$ 70 por pessoa. No início deste ano, o valor médio do pagamento aos beneficiários do Bolsa Família era R$ 150,60. Sobre o aumento do salário mínimo, corrigido pela inflação, é um "instrumento efetivo para a diminuição da desigualdade" entre os trabalhadores, a presidenta assumiu o compromisso de "continuar a política de valorização do salário mínimo". Dilma rebateu críticas sobre o crescimento do mínimo. "Para eles, um salário mínimo melhor não significa mais bem-estar para o trabalhador e sua família, dizem que a valorização do salário mínimo é um erro do governo e, por isso, defendem a adoção de medidas duras, sempre contra os trabalhadores". Durante o pronunciamento, a presidenta defendeu as políticas econômicas, como o "crescimento com estabilidade" e o "controle rigoroso da inflação". Sobre este assunto, Dilma afirmou que "aumentos localizados de preço" causam "incômodo às famílias, mas são temporários e, na maioria das vezes, motivados por fatores climáticos". Em relação ao setor energético, Dilma disse que a tarifa de energia teve "a maior redução da história". "A seca baixou o nível dos reservatórios e tivemos de acionar as termoelétricas, o que aumentou muito as despesas. Imaginem se nós não tivéssemos baixado as tarifas de energia em 2013". Segundo ela, os investimentos feitos em geração e transmissão de energia permitem hoje ao Brasil "superar as dificuldades momentâneas, mantendo a política de tarifas baixas".


Fonte: Bonde

Paiçandu: Programa Bom Negócio Paraná Aula inaugural na ACIP

Acontecerá na Associação Comercial e Industrial de Paiçandu (ACIP) a aula inaugural do programa Bom Negócio Paraná e do Banco do Empreendedor Paraná. É um programa de capacitação e linhas de financiamento com juros subsidiados pelo Governo do Estado do Paraná, tipos de investimentos, valores e outras vantagens para sua empresa. Conheça também as linhas de créditos com juros de 0,55\mês a 0,65 para empréstimos até R$ 300.000,00.
Data de início: 05 de maio
Data de término: 05 de junho (de segunda a quinta-feira)
Horário: das 19h30 às 22h
Informações: Sala do Empreendedor – Prefeitura de Paiçandu ou pelo telefone: 3244 0404


Prefeitura de Sarandi vai reformar os ginásios e campos de futebol

A Prefeitura Municipal de Sarandi vai reformar os ginásios de esportes e campos de futebol da cidade. Está aberta a licitação para a contratação de empresa especializada em serviços metalúrgicos, na modalidade pregão presencial, o valor máximo a ser pago é de R$ 35.688,11.
O prazo para entrega dos documentos de habilitação será no dia 16 de maio às 9 horas,
a  sessão pública do pregão será na sala de Licitações, na Rua José Emiliano de Gusmão, 500 - Centro, as 09:00 horas, após recebimento dos envelopes e documentos. Maiores informações no departamento de licitações compras e patrimônio – paço
municipal – fone: (0xx44) 3264-8623 – fax: (0xx44) 3264-8628. email:

Assessoria de Comunicação de Sarandi