terça-feira, 19 de agosto de 2014

Jovem que arrastou mulher por 800 metros é solto de presídio



Julio Cesar Leandro, de 21 anos, foi solto na tarde de domingo (17) do Presídio Regional de Rio do Sul, no Vale do Itajaí, e responderá em liberdade o processo criminal por arrastar Maristela Stringhini, de 40 anos, por 800 metros embaixo de um carro após uma briga de trânsito. Preso desde abril, o rapaz foi solto após pedido de habeas corpus. A decisão do juiz Cláudio Márcio Areco Júnior, da Vara Criminal de Rio do Sul, foi publicada nesta segunda (18) no site do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. No dia 15 de julho, o mesmo juiz determinou que o caso fosse levado a júri popular. Os advogados do acusado tentaram recorrer a setença, recurso negado pela justiça. O julgamento popular será pela tentativa de homicídio qualificado, por motivo fútil, cruel e sem direito a defesa da vítima. O acidente ocorreu no dia 13 de abril, às 3h15 da madrugada. Com Suspeita de embriaguez, Leandro teria batido intencionalmente na traseira da moto em que estavam Maristela e o noivo, segundo denúncia oficial. Maristela Stringhini teve fraturas expostas e o tórax dilacerado no asfalto, um quadro de politraumatismo com lesões do rosto à altura dos joelhos. Depois de 14 cirurgias e 90 dias internada, ela recebeu alta do Hospital de Rio do Sul no dia 15 de julho e voltou para casa em Lages, na Serra catarinense.

Com informações: G1

Projeto prevê detenção para quem dirigir usando o celular



Projeto do senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) pode tornar mais duras as punições aos motoristas que usam o telefone celular ao volante. Além de mudar a classificação atual da infração, de média para gravíssima, a proposta (PLS 71/2014) cria uma sanção penal para a conduta. Ao justificar a medida, Ferraço diz que o celular é tão perigoso ao volante quanto o álcool e menciona estudos que indicam que um em cada quatro acidentes automobilísticos nos EUA estão associados ao uso do telefone. Ele lembra ainda que o Conselho Europeu de Segurança em Transporte (ETSC) já sugeriu uma proibição total do uso de celulares por motoristas, mesmo que por meio do viva voz. "A tendência mundial tem sido de agravar as penalidades para o uso do telefone celular na direção, principalmente para o envio de mensagens de texto, ação que é a mais problemática por aliar três fatores: longo tempo de duração, impossibilidade de o condutor olhar para a via e exigência de coordenação visomotora fina, especialmente nos teclados virtuais em telas de toque", afirma. O projeto muda o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) em dois pontos. No âmbito administrativo, atualmente, dirigir usando o celular ou fones de ouvido é uma infração média. Ferraço sugere separar o uso do celular ao volante e tornar a conduta uma infração gravíssima. Na esfera penal, a proposta acrescenta a utilização do celular ao art. 311, que hoje pune apenas o trânsito em velocidade incompatível com a segurança nas proximidades de áreas como escolas, hospitais, estações de transporte público. A pena é a mesma: detenção de seis meses a um ano ou multa. O projeto tramita em caráter terminativo na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), onde aguarda relatório do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA).

Com informações: Bonde Notícias 

Guarda Municipal de Sarandi faz apreensão de pipas

De acordo com o Secretário de Segurança e Trânsito de Sarandi Aparecido Antonio (Cido Plícia), no último domingo (17), a Guarda Municipal realizou uma operação para apreensão de pipas com linhas de Cerol e linha Chilena. Segundo o secretário tem havido muitas reclamações de moradores que afirmam que vários elementos pulam muro, quebra cerca elétrica e praticam furtos.Os mesmos denunciam também a existência de tráfico de drogas, sem contar que muitas pessoas já foram feridas e até perderam suas vidas por esse tipo de linha. Ele disse ainda que no ultimo sabado um fio de Alta Tensão com capacidade de trinta mil volts, foi cortado por uma linha Chilena próximo a Praça da Juventude, causando perigo para quem tava empinando a pipa e pessoas que ali passavam. O secretário afirmou que as operações vão ser constantes pela GM e PM.



Papa diz que lhe restam apenas “2 ou 3 anos” de vida



De maneira inédita, o Papa Francisco conversou com jornalistas sobre sua saúde e perspectiva de vida. Durante coletiva de imprensa que aconteceu no voo de retorno ao Vaticano da viagem à Coreia do Sul, nesta segunda-feira, ele disse que tenta observar seus erros e pecados para não ser orgulhoso, já que lhe restam apenas “dois ou três anos de vida”. As informações são do Daily Mail. Francisco tem 77 anos e, apesar da idade avançada, é um dos mais ativos que já passaram pelo cargo. Na entrevista, ele considerou a possibilidade de se aposentar, caso suas condições de saúde física e mental lhe sirvam como obstáculo para concluir suas ações. No ano passado, o Papa Bento XVI renunciou ao cargo, sendo o primeiro em mais de 600 anos a tomar tal atitude (o último que havia abdicado foi Celestino V, em 1294, por causas políticas). Francisco disse que “há 60 anos, era praticamente impossível um bispo católico se aposentar, mas hoje em dia é comum”. O Papa argentino teve de retirar um de seus pulmões durante a adolescência por causa de uma infecção grave. Porém, ele contou aos jornalistas nesta segunda-feira, que sofre por doenças de nervos e que, de vez em quando, precisa tratá-los com mate (o chá bastante tomado em seu país de origem). “Uma dessas minhas neuroses é ser muito caseiro”, brincou já que suas últimas férias fora da Argentina foram em 1975, quando visitou uma comunidade jesuíta. Ainda nesta viagem, ele afirmou que pretende se aproximar dos católicos na China, que, desde a instauração do comunismo, não obedecem à autoridade máxima de sua Igreja e, sim, à supervisão da Administração Estatal para Assuntos Religiosos.