Postagens

Mostrando postagens de Setembro 30, 2014

Eleitores não podem ser presos a partir desta terça-feira

Imagem
Faltam apenas cinco dias para as Eleições Gerais 2014, marcadas para o próximo domingo, dia 5 de outubro. A partir de hoje (30), até 48 horas depois do encerramento da votação, nenhum eleitor pode ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto. A determinação está no Código Eleitoral, art. 236, caput. (Lei nº 4.737/1965). Já a proibição de prisão de candidatos está em vigor desde o último dia 20. No entanto, quem concorre a um cargo eletivo pode ser detido ou preso em caso de flagrante delito. Caso haja eleição em segundo turno para presidente da República ou governador, a ser realizada no dia 26 de outubro, a proibição da prisão de eleitor passa a valer a partir do dia 21 de outubro e também vigora até 48 horas depois do encerramento da votação.
Fonte: Agência TSE

Sarandi: Educação oferece formação para candidatos à direção

A Secretaria de Educação de Sarandi em parceria com o Serviço Social do Comércio-SESC/ Maringá inicia nesta quarta-feira (30) às 19 horas formação para profissionais da rede municipal de ensino na área de gestão escolar.   A proposta é abordar diferentes temas para que os profissionais tenham interesse em ser gestor, o curso terá 24 horas e vai discutir o papel do gestor no ambiente escolar, independente da função, pois segundo a secretaria de Educação Adriana Palmieri é importante repensar a importância do gestor nas relações pessoais e na forma de lidar com  as peculiaridades das legislações e diretrizes educacionais do País.
CRONOGRAMA
Dia 30 das 19 às 22 horas no Sesc Maringá, A Comunicação como forma  de expressão, para os inscritos nas escolas.
Dia 2, das 19 às 22 horas no Sesc Maringá, A Comunicação com forma de expressão, para os inscritos nos CMEIs.
Dia 7, das 19h às 22 horas no Auditório  SMED, Currículo e Diversidade, para todos os inscritos.
Dia 9, das 19h às 22 horas no …

Bancários decidem por greve nacional por tempo indeterminado

Imagem
Os bancários rejeitaram na noite desta segunda-feira mais uma proposta de reajuste salarial e aprovaram o início de greve nacional por tempo indeterminado para esta terça-feira. A última paralisação dos bancários ocorreu entre setembro e outubro do ano passado e durou mais de 20 dias. Confirmaram adesão à greve os estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Paraná, Bahia, Pernambuco, Ceará, Alagoas, Paraíba, Piauí, Acre, Mato Grosso do Sul, Sergipe, Santa Catarina, Espírito Santo, Mato Grosso, Maranhão, Amapá, Rondônia e alguns municípios do Rio Grande do Sul. Contudo, nem todas as assembleias terminaram no país. Entre outras reivindicações, eles defendem um aumento de 12,5%, com ganho real de 5,8%. Para o cálculo da inflação foi utilizado o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que acumulou alta de 6,35% no período de 12 meses encerrado em agosto. A data-base dos bancários para renegociar os contratos coletivos de trabalho é 1º de setembro. Os si…