Postagens

Mostrando postagens de Novembro 26, 2014

Auditores da Receita Federal são presos suspeitos de desviar R$ 1 bilhão

A Polícia Federal cumpriu nesta terça-feira (25) mandados de prisão e condução coercitiva (encaminhamento à delegacia) contra 35 auditores da Receita Federal, contadores e empresários. Eles são suspeitos de provocar um prejuízo de R$ 1 bilhão aos cofres públicos, por meio da redução indevida de impostos para beneficiar empresários. Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas casas de auditores fiscais, em empresas e nas delegacias da Receita Federal das cidades do Rio de Janeiro e Niterói (no Grande Rio). Os suspeitos estão prestando depoimento na Polícia Federal e deverão responder pelos crimes de patrocinar, direta ou indiretamente, interesse privado perante a administração fazendária. As penas podem chegar a 12 anos de prisão. A investigação, que conta com o apoio da Receita Federal, foi iniciada há dois anos pela Delegacia de Polícia Federal de Niterói. Os mandados foram cumpridos por 248 policiais e 54 funcionários da Receita.
Agência Brasil

Paraná tem 179 pontos de exploração infantil nas rodovias federais

Imagem
Os locais considerados vulneráveis à exploração sexual infantil em trechos de rodovias federais no Paraná subiu neste ano. Segundo dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o Estado passou de 111 pontos em 2011/2012 para 179 em 2013/2014, uma alta de 61,2% no período. No novo estudo, o Paraná saltou da sexta posição no ranking nacional para a terceira posição, atrás apenas de Bahia (216 pontos) e Minas Gerais (313). Aqui, foram detectados 31 pontos críticos de exploração. Os dados foram levantados pelo projeto Mapear, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que idenfica os pontos de risco para a população infantojuvenil nas rodovias do país. Os pontos críticos são aqueles onde se conjugam fatores como falta de iluminação, ausência de vigilância, local de parada de veículos, consumo de bebidas alcoólicas e prostituição de adultos. Dos 179 pontos de risco encontrados no Paraná, 31 são considerados críticos, 56 de alto risco, 56 de médio risco e 36 de baixo risco. A maior parte dos pon…

Veneri implora pelos companheiros petistas

O prefeito Gustavo Fruet (PDT) já não aguenta mais o cerco dos petistas. Ontem teve que receber mais um deles. Foi o deputado estadual Tadeu Veneri que foi pedir o mesmo que todos pedem. Manter os cargos dos seus indicados na administração municipal. Tudo porque os petistas estão com medo de uma leva de demissões para conter gastos. Veneri enfrenta um momento difícil. Depois da revelação que o maior doador de sua campanha (R$ 213 mil) foi uma grande empreiteira ele passou a ser chamado na Assembleia, onde ninguém suporta sua mania de ser professor de Deus, de "Tadeuzinho Odebrecht". Nessa fase difícil, Veneri não aguenta mais as piadinhas. Em especial aquelas que fazem referência a sua conhecida militância em favor da melhoria das condições do sistema penitenciário. Segundo os engraçados, essa 'causa' ganhou um caráter prático e urgente. O deputado estaria preocupado com os executivos da Odebrecht detidos pela Polícia Federal por envolvimento nos desvios da Petrobra…