Professor grava colegas de trabalho em banheiro feminino de escola



Um professor da rede estadual de ensino, contratado pelo Processo Seletivo Simplificado (PSS), gravou imagens de professoras usando o banheiro do Colégio Estadual Professora Lúcia Barros Lisboa, zona norte de Londrina. O caso aconteceu na última sexta-feira (18), segundo informou o Núcleo Regional de Educação (NRE). De acordo com a chefe do NRE, Lúcia Cortez, o docente usou uma meia furada para esconder o aparelho, deixando a lente exposta, na tentativa de camuflar a ação. "Uma servidora entrou no banheiro no final da tarde, encontrou o celular perto dos materiais de limpeza e levou até a sala das professoras, que estavam em aula-atividade. Uma delas tirou o chip, colocou em outro aparelho e conectou-o a um computador. As imagens realmente estavam gravadas no dispositivo. A partir daí, todas foram até a delegacia e confeccionaram o boletim de ocorrência", explicou. A chefe do NRE ainda garantiu que a direção da escola tomou todas as medidas cabíveis. "A denúncia junto à ouvidoria foi feita na manhã de ontem. O professor compareceu na companhia de um advogado e deu sua versão", afirmou. Ele teria tentado, inicialmente, negar a autoria do vídeo, mas as imagens também mostram seu rosto no momento em que ele preparava o esconderijo. "Ele ainda tentou alegar que havia perdido o aparelho", completou. Uma sindicância já foi instaurada para apurar o caso, a qual resultará em processo administrativo. As investigações acerca do episódio, no entanto, estão paralisadas devido a um atestado médico apresentado pelo professor na tarde de ontem. "O documento solicita afastamento de 15 dias. Por isso, durante esse período, não poderemos dar andamento ao processo. Temos que aguardar o retorno para retomá-lo", detalhou Lúcia. As penalidades vão desde uma advertência até a exoneração do cargo. "São medidas pelas quais estão sujeitos todos os servidores que cometem irregularidades". No caso da punição máxima, o professor também perde as aulas no Colégio Estadual Professora Roseli Piotto, também na zona norte. O nome dele não foi divulgado pelo NRE.

Fonte: Bonde Notícias

Comentários

As mais visitadas

CRM-PR retira indicativo de interdição ética da UPA de Sarandi

CEMEI de Sarandi realiza evento cultural em comemoração ao dia das crianças

Carro Roubado em Curitiba é recuperado em Loanda