Polícia Federal autoriza porte de arma para guardas municipais de Londrina



A Superintendência Regional do Departamento de Polícia Federal no Paraná firmou convênio com o Município de Londrina para concessão de porte funcional de arma de fogo para os integrantes da Guarda Municipal de Londrina. A vigência do acordo é de cinco anos. A assinatura do convênio foi feita no dia 29 de setembro, e passa a valer desde 21 de outubro, quando foi publicado no Diário Oficial da União. Segundo o secretário municipal de Defesa Social, coronel Rubens Guimarães, 120 guardas já foram treinados pela Polícia Militar e estão aptos a portar armas, aguardando apenas a chegada da documentação por parte da Polícia Federal. Outros 60 ainda estão em treinamento. A Guarda possui 249 armas para serem usadas pela corporação. Entre as exigências da Polícia Federal para emissão do porte estão certidões negativas de antecedentes criminais e comprovação de capacidade para manuseio de arma de fogo.

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica