Temperatura global aumentará 1°C em 2015 em comparação a era pré-industrial



Pela primeira vez, a temperatura média mundial na superfície da Terra será, em 2015, um grau centígrado superior aos níveis pré-industriais, anunciou nesta segunda-feira (09) a agência meteorológica britânica Met Office. Os ambientalistas lutam para que a temperatura não aumente 2ºC até 2100. Seguindo a tendência atual, a temperatura subirá 4ºC. "Está claro que a influência humana está levando o clima moderno a territórios desconhecidos", afirmou Stephen Belcher, do Met Office. Concretamente, o aumento da temperatura será 1,02ºC em relação ao período de 1850-1900, segundo uma projeção com base em dados coletados entre janeiro e setembro pelo programa HadCRUT, operado conjuntamente pelo Met Office e a Unidade de Pesquisa Climática da Universidade de East Anglia. Belcher negou que o aumento tenha a ver com o El Niño, o fenômeno periódico em que ocorre o aquecimento das águas do Oceano Pacífico equatorial, que tem um impacto global: "Tivemos eventos naturais semelhantes no passado, e ainda este ano será a primeira vez em que a barreira do 1 será superada". Desde a Revolução Industrial, até hoje a temperatura do planeta já tinha aumentado 0,8ºC, gerado pelo gás procedente principalmente das energias fósseis. As primeiras indicações apontam que 2016 será igualmente quente, mas isso não significa que o aumento será repetido nos anos seguintes. "Este ano é um marco importante, mas isso não significa que a cada ano a partir de agora haverá um aumento de um grau ou mais acima dos níveis pré-industriais, porque as variações naturais de temperatura continuarão a influenciar", disse Peter Stott, chefe de monitoramento do clima do Met Office. A notícia vem três semanas antes da Conferência do Clima de de Paris (COP21), que tem o objetivo de fechar um acordo global para limitar o aumento da temperatura média global a dois graus Celsius, que o Met Office ainda acredita ser possível. O Met Office alertou para o impacto do aumento das temperaturas no mar. "Os aumentos no nível global do mar, causados pelo aquecimento dos oceanos e o degelo, levam mais tempo para responder às crescentes concentrações de gases de efeito estufa do que a temperatura do ar", afirma o Met Office. "Temos visto um aumento do nível do mar médio de cerca de 20 centímetros desde os tempos pré-industriais, e isso é um terço do que você pode ver em 2100 em um mundo com um aumento de temperatura de 2º".

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse