quinta-feira, 26 de março de 2015

ROTAM de Sarandi apreende menores com droga, eletrônicos e dinheiro

Por volta das 19hs desta quinta-feira (26), ema equipe da ROTAM de Sarandi abordou três adolescentes na rua Projetada Jardim Triângulo. Com os menores, foram encontradas 34 pedras de CRAK, duas porções de maconha, vários eletrônicos produtos de furto e uma certa quantia em dinheiro.Todos foram encaminhados a Delegacia de Polícia, juntamente com a droga e dinheiro apreendidos.





Morre Jorge Loredo, o Zé Bonitinho



Morreu na manhã desta quinta-feira (26) no Rio de Janeiro o humorista Jorge Loredo, o Zé Bonitinho, em decorrência de falência múltipla de órgãos. Aos 89 anos, ele estava internado desde 3 fevereiro no Hospital São Lucas, na zona sul carioca. No dia 13 de fevereiro ele foi transferido para a Unidade Cardio Intensiva (UCI), onde permaneceu até esta quinta-feira. Segundo informações da equipe médica, Loredo lutava há anos contra uma doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) grave e um enfisema pulmonar. A sobrinha do humorista Ju Lorêdo fez uma homenagem ao tio em seu Facebook: "É gente, meu tio se foi. Vai alegrar o céu agora."Conhecido por personagens cômicos, principalmente o Zé Bonitinho, o ator fez sucesso com os esquetes do programa "A Praça É Nossa", no SBT. Jorge Loredo estava na ativa até 2 anos atrás, fazendo shows com o seu número humorístico. Zé Bonitinho foi lembrado no desfile da União da Ilha na última segunda, cujo enredo falou sobre as várias formas de beleza e criticou o culto ao corpo. Nascido em 7 de maio de 1925, Loredo se descobriu ator após o que parecia uma tragédia. Internado aos 20 anos de idade devido a uma tuberculose, ele começou a frequentar o grupo de teatro do hospital por conselho de um médico, e assim apaixonou-se pela atuação. Após se restabelecer, o então jovem Jorge se dedicou à carreira de ator, mas não imaginava que enveredaria pelos caminhos do humor. Tendo seu primeiro papel no monólogo "Como Pedir uma Moça em Casamento", o sucesso e o talento para o riso o fizeram mudar de ideia, e assim nascia o comediante.