segunda-feira, 18 de maio de 2015

Ouça aqui Boletim Informativo sobre votação Plano de Educação de Sarandi

R.R. Soares compra a Rádio Estadão




Conforme informou nesta segunda-feira (18) o jornalista Anderson Cheni em seu blog, o Grupo Estado fechou a negociação de uma de suas emissoras de rádio para o missionário R. R. Soares. Assim, a rádio Estadão (AM/700 Khz), já na próxima segunda-feira (25), passa a ser Nossa Rádio, voltada para o segmento gospel. Por sua vez, a programação da Estadão seguirá no canal em FM 92,9 Mhz. O Grupo Estado, representada pelo escritório de assessoria de Lúcia Farias, informa que até o momento ainda não tem uma posição oficial sobre o assunto. E que esta manifestação deverá ocorrer, mais tardar, até a manhã desta terça-feira. Por parte da Igreja Internacional da Graça de Deus, a negociação é dada como certa, inclusive com intensa divulgação do assunto nas emissoras rádio e televisão, que transmitem a programação da igreja. Detalhe operacionais, sobre mudanças de estúdios e melhorias técnicas, inclusive troca de transmissores, também já estão em fase de estudos. O valor da negociação não é revelado. Eis na íntegra a nota do jornalista: "O Grupo Estado fechou a negociação de uma das suas emissoras de rádio. O histórico e marcante prefixo dos 700 Khz, que já foi Rádio Eldorado e hoje é Rádio Estadão dará lugar a Nossa Rádio, emissora do segmento Gospel que pertence ao Missionário R.R.Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus. A estreia da emissora em seu novo prefixo já foi confirmada pela próprio Missionário para a próxima segunda-feira dia 25/05. A partir dessa data, a programação da Rede Nossa Rádio estará simultaneamente na FM 106.9 e neste novo canal em amplitude modulada. O Grupo Estado ainda não se pronunciou oficialmente a respeito da negociação. Fundada em 4 de janeiro de 1958, a Rádio Eldorado marcou época no jornalismo da cidade de São Paulo, aos poucos a falta de investimento na emissora, má administração e parcerias que não deram resultados esperados foram fundamentais para a família Mesquita tomar a decisão da negociação. Lembrando que a identidade da emissora foi mudada algumas vezes, com a mudança de nome para Eldorado/ESPN - Estadão/ESPN e Estadão que segue com sua programação no canal em FM 92,9 Mhz."

Brasil registra três queixas de abuso sexual de crianças por hora

A cada hora quase três denúncias de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes foram registradas no país ao longo de 2014 pelo Disque 100, serviço gratuito de denúncia por telefone do governo federal. Esta segunda-feira (18) marca o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.
No ano passado, 24.575 queixas desses crimes foram recebidas pelo serviço de denúncia, sendo 19.165 referentes a abuso sexual e 5.410 de exploração sexual. Foi uma média de 67 notificações por dia, segundo dados fornecidos pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.
São Paulo foi o Estado que apresentou a maior quantidade de denúncias tanto de abuso quanto de exploração sexual. No entanto, Santa Catarina liderou o ranking quando se leva em consideração a taxa de queixas de exploração a cada cem mil habitantes (20,8). Já o Distrito Federal ocupa o topo da lista com maior índice de denúncias de abuso por cem mil pessoas (65,8).

Redução nas denúncias

Em 2014, o Disque 100 registrou uma queda na quantidade de denúncias de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes em relação ao ano anterior. A redução foi de 28% nas queixas de abuso e de 25% nas de exploração.
Itamar Gonçalves, gerente de projetos da ONG Childhood Brasil, diz acreditar que ocorreu uma diminuição no número de casos, principalmente de exploração, como resultado de um trabalho conjunto que tem sido feito por governos e sociedade civil.
"Nós observamos uma reação bastante forte da sociedade civil organizada assim como dos governos, com um conjunto de ações para enfrentar essa situação. Há desde 2005 um engajamento contra a exploração sexual de crianças e adolescentes", afirma.
O abuso sexual ocorre quando a criança ou o adolescente é obrigado por um adulto a manter práticas sexuais, com ou sem contato físico. Já a exploração sexual é a relação sexual com criança ou adolescente que envolve o pagamento por meio de dinheiro ou benefícios.  

Fonte: Uol