Postagens

Mostrando postagens de Novembro 3, 2015

Homem de 55 anos é acusado de embriagar três crianças.

Imagem
Um homem de 55 anos - identificado pelas iniciais P.R.X. -, está sendo acusado por uma família no distrito do Engenheiro Azaury, em Assis Chateaubriand, de embriagar três crianças, 6, 7 e 09 anos de idade. Ele também é suspeito de ter abusado sexualmente de duas delas. A situação aconteceu quando um tio das crianças chegou à casa do suspeito, que fica nos fundos da casa das vitimas, e perguntou pela criança de 6 anos. O acusado relatou que a ela estava dormindo, mas a família desconfiou e constatou que a menina estava inconsciente. As crianças foram encaminhadas a um hospital, onde foram avaliadas, tenho sido constatado que elas ingeriram bebida alcoólica. Dois médios estiveram na sede da 3ª CIA, acompanhados do Conselho Tutelar, onde relataram que examinaram as menores e encontraram indícios de que a mesmas teriam sofrido abuso sexual e solicitaram encaminhamento para o IML de Toledo, para exame de conjunção carnal, afim de apurar qualquer espécie de abus…

Comissão determina que consentimento não abranda punição por estupro de vulnerável

A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou nesta quarta-feira (28) o Projeto de Lei (PL)8043/14, que deixa claro, no Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40), que a punição para o crime de estupro de vulnerável independe do consentimento da vítima ou da ocorrência de relações sexuais anteriores. O objetivo é impedir a absolvição ou o abrandamento da pena do acusado nesses casos.A legislação considera como vulnerável os menores de 14 anos de idade; as pessoas com deficiência mental e sem discernimento para o ato sexual; pessoas com problemas físicos graves que não podem oferecer resistência, como paraplégicos; e pessoas em estado de torpor físico e mental causado por drogas ou bebidas alcoólicas. Resultado de CPI A proposta foi apresentada pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Exploração Sexual, que funcionou na legislatura passada e foi presidida pela deputada Erika Kokay (PT-DF). Segundo a justificativa da proposta, é preciso corrigir a fragilidade do Código Penal nessa que…

Empresário suspeito de estuprar menina de 12 anos em motel é preso

Um empresário de 37 anos foi preso em Guarapuava, na região central do Paraná, após estuprar uma menina de 12 anos em um motel daquela cidade. A ocorrência foi registrada pela Polícia Militar (PM) no último sábado (31), e o acusado seguia preso na 14ª Subdivisão Policial (SDP) nesta terça-feira (3). Conforme as investigações, o empresário teria abordado a vítima na rua, que contou ter sido obrigada a entrar no carro dele enquanto ia para a casa de uma tia. O homem teria levado a menina até o motel, onde consumou o estupro. Ainda segundo a polícia, a vítima conseguiu fugir do estabelecimento e ir embora para sua casa, onde contou do ocorrido para os pais. Acionada pelos familiares da menina, a polícia confirmou que o empresário esteve no motel por meio de imagens das câmeras de segurança do local, e o encontrou em casa após diligências. Preso por estupro de vulnerável, já que manteve relações sexuais com uma menor de 14 anos, o homem alegou que a relação sexual foi consentida. A…

Idosa é estuprada pelo genro

Uma idosa de 63 anos foi estuprada nesta segunda-feira (2), após ser feita refém pelo genro em Cascavel, no Oeste do Paraná. O homem foi preso no local do crime, em uma casa no bairro Lago Azul. A vítima conseguiu sair de casa e procurou socorro na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no bairro Brasília. A filha dela contou à PM que a idosa e sua irmã foram rendidas pelo suspeito em um ponto de ônibus da noite de ontem. De lá, ele as levou para um galpão, onde as agrediu e manteve relações. A irmã da idosa também conseguiu escapar e passa bem. O homem foi preso mas negou as acusações. Segundo ele, o ato teve consentimento da vítima. Ele está na delegacia, à disposição da Justiça. 



Com informações da Catve.com.