Postagens

Mostrando postagens de Novembro 23, 2015

Criança é baleada na cabeça e morre em Maringá

Imagem
Uma criança de dois anos e 11 meses morreu após ser baleada acidentalmente na cabeça na tarde desta segunda-feira (23), no Residencial Pioneiro Odwaldo Bueno Netto, em Maringá. O crime aconteceu por volta das 14h, na casa da família, na Rua Dolores Duran. De acordo com a Polícia Militar, o autor do disparo é cunhado do pai da pequena Stephany Caroline Michalski Rigobelli, pois namoraria a irmã da mãe da criança. As primeiras informações são de que o suspeito Douglas Silva Campos, 19 anos, manuseava a pistola calibre 22 dentro de casa, em meio à família, quando acionou o gatilho e efetuou o disparo fatal. O projétil atingiu a face da garotinha, pouco abaixo do olho direito, e atravessou a cabeça da menina. Ela chegou a ser socorrida e levada até a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da Zona Sul, unidade hospitalar mais próxima da residência, pelos próprios policiais militares. Os médicos tentaram salvar a menina, que não resistiu aos ferimentos e morreu. Logo após o crime, o rapaz fug…

Justiça determina indisponibilidade de bens de todos vereadores de Jataizinho

Imagem
A Vara Cível de Ibiporã determinou a indisponibilidade de bens de todos os nove vereadores da Câmara Municipal de Jataizinho. Segundo investigações da Promotoria de Proteção ao Patrimônio Público de Ibiporã, os vereadores receberam dos cofres públicos valores referentes a várias sessões legislativas nas quais não estariam presentes, nem justificaram as faltas. Na sessão realizada na Câmara em 10 de junho de 2013, por exemplo, nenhum dos vereadores compareceu ao ato ou justificou ausência, mas as faltas não foram descontadas de seus subsídios. O Ministério Público buscou o ressarcimento dos valores recebidos indevidamente, expedindo recomendação administrativa ao presidente do Legislativo, mas esta não foi atendida. Além disso, notificou individualmente cada vereador para que procedesse a devolução espontânea dos valores, medida também sem êxito. Em vista disso, ajuizou a ação na qual pediu a indisponibilidade dos bens, além da condenação dos réus por ato de improbidade administrat…

Um baque para a esquerda latina

Imagem
A vitória de Maurício Macri nas eleições para a presidência da Argentina (acima, ele ao votar) põe fim a 12 anos conhecidos como Era Kirchner, um período em que o país se transformou numa espécie de paraíso da heterodoxia econômica, misturada ao populismo típico dos peronistas, à progressiva irrelevância no cenário internacional e a tentativas frequentes – embora nem sempre bem-sucedidas – de controlar o Judiciário e a imprensa. Trata-se, também, de um baque para a esquerda latino-americana, acostumada a ídolos populistas e a ver os “hermanos” como aliados no combate ao “imperialismo ianque”. Se você anda chocado com o resultado cada vez pior da política econômica implantada no governo da presidente Dilma Rousseff, é bom lembrar que nada se compara a Cristina Kirchner. O efeito Orloff – piada baseada naquela propaganda de vodca cujo slogan era “eu sou você amanhã” – aparentemente continua valendo: os argentinos estão anos adiante do Brasil no caminho da bancarrota. Basta lembrar que…