Adolescentes são suspeitos de assassinar conselheiro tutelar


A Polícia Civil de Cambará (22km a noroeste de Jacarezinho) investiga a morte do conselheiro tutelar Wilson Akio Frutani, de 54 anos, morto no último sábado (26) por volta das 23h. Ele foi esfaqueado e assassinado na própria residência, localizada na rua Duque de Caxias, no jardim Morada do Sol, em Cambará. O caso é tratado pela polícia como latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte. A linha de investigação é reforçada pelo fato dos investigadores terem encontrado, no dia seguinte, o carro da vítima, um Citroën Picasso, em uma estrada rural localizada a 5 km de Cambará. O veículo estava totalmente queimado. A perícia não conseguiu O delegado Isaías Fernandes, que cuida do inquérito policial, afirmou à reportagem do Portal Bonde que a vítima era ativa na função de conselheiro, mas não revelou a provável motivação do homicídio. Informações preliminares dão conta de que o crime foi praticado por um adolescente infrator de Santo Antônio da Platina e outro menor de Cambará. A polícia também suspeita da participação de um maior de idade, o que ainda não foi confirmado oficialmente. No dia do assassinato, a Polícia Militar foi chamada e encontrou a casa da vítima totalmente revirada. Durante a revista, a PM também localizou um cutelo, um instrumento cortante usado para fatiar carnes, manchado de sangue. O objeto foi deixado pelos agressores no balcão da cozinha. Os suspeitos seguem foragidos.recolher digitais.


Com informações: Bonde Notícias

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse