quinta-feira, 9 de junho de 2016

Arapongas confirma primeira morte por H1N1

A Secretaria de Saúde de Arapongas,confirmou o registro de dois casos de H1N1 na cidade. Os laudos técnicos do Laboratório Central do Paraná (Lacen) indicaram a presença do vírus da gripe H1N1 em dois pacientesUm deles, encaminhado ao Hospital João de Freitas, não resistiu e veio a óbito. O outro permanece internado no Hospital Santa Casa e já está fora de risco. Outros três casos suspeitos estão aguardando o laudo do Lacen, porém, os pacientes já estão medicados e fora de risco. De acordo com o secretário municipal de Saúde Antonio Garcez Novaes Neto, a primeira etapa de vacinação contra a gripe em Arapongas atingiu 97% do grupo prioritário, o que, de acordo com ele, diminui o risco de propagação da doença, já que boa parte da população recebeu a vacina. A campanha agora está em sua segunda fase, aplicando a segunda dose da vacina em gestantes e crianças entre seis meses até menores de cinco anos. "Estamos respeitando a forma de vacinação de acordo com a determinação do Ministério da Saúde, por isso não há vacinas disponíveis para toda a população. Estamos liberando as doses para as pessoas dos grupos prioritários, conforme o Governo Federal libera os lotes de vacinas para o município", esclarece o secretário. que recebiam tratamento na cidade.

Nenhum comentário: