Paraná registra queda de 44% no número de mortes no trânsito


O Paraná registrou em 2015 o menor número de mortes no trânsito dos últimos quatro anos. Dados compilados pelo Departamento de Trânsito do Estado (Detran) - com registros das Polícias Rodoviárias Federal e Estadual, Polícia Militar e prefeituras - mostram que no ano passado houve 1,6 mil vítimas fatais nas estradas e ruas paranaenses. 

Em 2012, foram 2,9 mil registros, caindo para 2,6 mil em 2013 e 2014. A diferença no período chega a 44%. No domingo (20), ações especiais lembram o Dia Mundial em Memória a Vítimas de Trânsito. No Estado houve também redução de acidentes com vítimas (-17,9%), na quantidade de vítimas não fatais (-17,7%) e no total de vítimas ( -18,9%).

 De acordo com o diretor-geral do Detran, Marcos Traad, apesar dos bons indicativos, ainda é preciso fazer mais. “O ideal seria que nenhuma família tivesse que lembrar dos seus entes queridos nesta data. O trabalho de educação e fiscalização está no caminho certo, mas ainda temos um longo percurso pela frente, disse”. “O Governo do Paraná retomou os investimentos em campanhas educativas e hoje trabalha no chamado tripé da segurança viária: educação, fiscalização e engenharia de tráfego. Além disso, as leis de trânsito ficaram mais rígidas no período, em especial a Lei Seca”, completa.

Comentários

As mais visitadas

CCJ aprova PEC que exige nível superior para cargos públicos de confiança

Motoristas de carros com câmbio automático podem ganhar CNH específica

Membros do 1º Conselho Municipal da Cultura tomam posse