Postagens

Mostrando postagens de Maio 17, 2016

Justiça bloqueia bens de prefeito que nomeou esposa como diretora

A Justiça de Formosa do Oeste, no Oeste do Paraná, decretou a indisponibilidade de bens do prefeito da cidade e de sua esposa. A sanção decorre da nomeação da mulher para cargo público, sem que esta tenha qualificação para ocupá-lo, o que caracteriza nepotismo. O pedido de bloqueio foi feito pela Promotoria de Justiça da comarca, em ação civil pública por ato de improbidade administrativa. De acordo com o Ministério Público, a esposa do prefeito foi nomeada como diretora do Departamento de Assistência Social. Entretanto, uma vez que não tem a qualificação necessária para assumir o cargo, a função atribuída a ela tem sido desempenhada por outra pessoa. Enquanto isso, a esposa do prefeito trabalha no gabinete do esposo, como secretária, recepcionista e telefonista. Como consequência, a Promotoria de Justiça entende que houve enriquecimento ilícito da nomeada, uma vez que ela recebeu vencimentos superiores ao devido pelas funções reais que exerce. Ademais, houve duplo desvio de funç…

Mãe agride filho dentro de hospital e é indiciada pela polícia

Imagem
A Polícia Civil de Apucarana, no norte do Estado, investiga uma jovem mãe por maus tratos ao próprio filho. A criança, um menino de 4 anos, foi agredido durante internamento no Hospital Materno Infantil da cidade. O caso ganhou repercussão após um vídeo registrando as agressões ter circulado pela internet. A situação teria ocorrido na última sexta-feira (13) e teria sido presenciada por outros pacientes internados na mesma enfermaria. A Polícia Civil de Apucarana vai indiciar a mulher por maus tratos. A reportagem tenta contato com o delegado-chefe da Décima Sétima Subdivisão Policial (SDP), José Aparecido Jacovós, que acompanha o caso.