terça-feira, 17 de setembro de 2019

Procon de Sarandi realiza mutirão oline de renegociação de dívidas



O PROCON DE SARANDI realiza, entre os dias 11 e 30 de setembro de 2019, um mutirão online de renegociação de dívidas. A ação de iniciativa do Procon-Sarandi, Proconsbrasil - Associação Brasileira de Procons e Febraban, acontecerá exclusivamente pela internet, através da plataforma de solução de conflitos, no site: www.consumidor.gov.br .

De acordo com Lucas Dornellos, dirigente do Procon de Sarandi, muitos consumidores que estão em débito deixam de procurar ajuda por se sentirem constrangidos com a situação ou até por pensarem que não há solução: "Acreditamos que sendo pela internet, as pessoas se sentirão mais incentivadas a negociar suas dívidas e sair dessa situação, afinal sabemos que possuir uma dívida pode causar muitos transtornos na vida de uma pessoa, sendo que inclusive o motivo da dívida, muitas vezes, já é oriundo de alguma situação da vida como um desemprego ou uma doença na família”, avalia. Para participar do mutirão online, basta o consumidor fazer o seu registro na plataforma www.consumidor.gov.br, que receberá um login e senha. 

Nesse momento, o consumidor fará o relato do seu problema, devendo informar que deseja participar do mutirão de renegociação de débitos. Após finalizar o registro, o banco ou instituição financeira tem o prazo de 10 dias para apresentar uma proposta ou resposta para o consumidor. No momento do preenchimento do registro, é imprescindível que o consumidor informe corretamente seus telefones e o e-mail para contato, pois esses dados facilitarão o atendimento por parte dos bancos e instituições financeiras participantes. Além disso, o Procon de Sarandi orienta ainda que o consumidor, no seu relato, informe que está participando do mutirão, com a seguinte hashtag: #MutiraoProconsBrasil Terminado o prazo para resposta do fornecedor, o consumidor tem o prazo de 20 dias para avaliar o retorno dado.

Informaãoes: Assessoria de Comunicação de Sarandi

Homem morre carbonizado depois de atear fogo na casa da ex-esposa


Um homem, de 54 anos, morreu carbonizado em um incêndio registrado na noite de segunda-feira (16), na Rua Belo Horizonte, no bairro Jardim Belvedere, em Foz do Iguaçu. Ele teria colocado fogo na casa da ex-esposa e, em seguida, incendiou o próprio corpo. 

De acordo com testemunhas, o homem não aceitava o fim do relacionamento e estaria tentando matar a ex-esposa. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o homem não resistiu aos ferimentos e morreu carbonizado no local. A residência da mulher ficou completamente destruída. Ela não se feriu no incêndio, mas foi levada para o Hospital Municipal por ter inalado muita fumaça. Colaboração e foto: Catve

Governador e ministro Moro discutem segurança na fronteira


O governador Carlos Massa Ratinho Junior e o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro, se encontraram na segunda-feira (16), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, para discutir detalhes da implementação do primeiro escritório de inteligência integrado na fronteira de Foz do Iguaçu, chamado Projeto Fusion. A iniciativa deve começar as atividades até o fim do ano e é inspirada no Fusion Center, estrutura do governo norte-americano que integra forças de segurança de diversos níveis (local, estadual e federal). 

O escritório vai funcionar em uma área do Parque Tecnológico de Itaipu por cinco anos. A hidrelétrica vai bancar os custos iniciais, de R$ 3 milhões. Depois será erguido um prédio para tornar o projeto definitivo. “A instalação desse escritório em Foz do Iguaçu complementa a estratégia de integração das forças de segurança em todos os níveis”, afirmou o governador Ratinho Junior. Ele ressaltou a importância da união de esforços para ampliar a vigilância na fronteira e outras iniciativas adotada pelo Paraná em parceria com o ministro da Justiça. “O Paraná é sede do Centro Integrado de Inteligência da Região Sul, tem uma cidade (São José dos Pinhais) no projeto-piloto de atuação da Força Nacional de Segurança para combate à violência e agora ganha o apoio do governo federal para vigilância da fronteira”, destacou Ratinho Junior. 


O governador colocou as polícias paranaenses à disposição do Ministério da Justiça e Segurança Pública e destacou que as forças estaduais já atuam de forma integrada. Com isso houve redução de 20% no número de homicídios e a apreensão de 80 toneladas de drogas neste ano. Ele explicou que as operações na fronteira também foram reforçadas. Estrutura Pelo menos 16 instituições devem trabalhar na implementação do novo projeto de segurança, como Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Agência Nacional de Inteligência (Abin), Ministério da Defesa, Unidade de Inteligência Financeira (UIF - antigo Coaf), Receita Federal, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Científica, entre outros. O escritório deve abrigar um núcleo do Centro Integrado de Inteligência, inaugurado neste ano em Curitiba, que tem o objetivo de auxiliar investigações e produzir conhecimento sobre os três Estados do Sul. O objetivo é fortalecer o combate ao crime organizado numa região de tríplice fronteira (Brasil, Argentina e Paraguai). 


Atividades Além de apoio operacional para as ações fronteiriças, o Fusion Center também auxiliará investigações que estão em andamento em todo o País, principalmente de combate ao tráfico de drogas e armas, além da desarticulação de organizações criminosas. A experiência norte-americana surgiu depois dos atentados de 11 de setembro de 2001. A gestão do Fusion Center será feita pela Polícia Federal, para que o escritório possa fazer acordos de cooperação internacional com os países vizinhos. Colaboração e foto: AEN-PR

Polícia de Sarandi prende 3 elementos com pistolas e munições

 
Três elementos foram presos com pistolas e munições na cidade de Sarandi nesta segunda-feira (16). As detenções e apreensões de objetos foi resultado de ação conjunta entre Seção de Antitóxicos da 9º SDP, Subdivisão policial e da Delegacia de Furtos de Veículos.

De acordo com a Polícia Civil, os três indivíduos portavam duas pistolas da marca GLOCK G17 e uma PT 58 CALIBRE 380.Eles ainda estava de posse de 13 munições calibre 380 e 57 munições 9mm.

quinta-feira, 18 de julho de 2019

Uma em Porecatu Paraná confirma mais seis mortes por gripe no Estado


O informe sobre a situação da gripe no Paraná divulgado pela Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) nesta quarta-feira (17) confirma 83 óbitos no Estado em função do vírus. O boletim que é atualizado semanalmente desde janeiro apresentava na publicação anterior 77 mortes por Influenza. Quatro mortes ocorreram na regional de saúde de Londrina - duas em Londrina, duas em Cambé e uma em Porecatu, ambas cidades na Região Metropolitana de Londrina.

Os seis novos óbitos apontados no boletim desta semana foram registrados nos seguintes municípios: em Porecatu, uma mulher de 85 anos, em Ponta Grossa duas mulheres, uma de 72 anos e outra de 67 anos; em Foz do Iguaçu, uma mulher de 88 anos; em Curitiba, uma mulher de 80 anos; e em São José dos Pinhais, um homem de 80 anos. As mortes ocorreram entre 26 de junho e 9 de julho, período em que começaram a ocorrer as temperaturas mais baixas no Estado.

O boletim totaliza 415 casos confirmados de Influenza no Paraná. Na semana anterior eram 374 casos. As 22 Regionais de Saúde do estado apresentam casos da doença.


"Entre os casos e óbitos confirmados para a Influenza, podemos notar que a idade é um fator de risco", explica a coordenadora da Vigilância Epidemiológica da Secretaria da Saúde do Paraná, Acácia Nasr. "No caso dos idosos, o sistema imunológico pode apresentar debilidades e, no caso das crianças, está em formação". 

 Cuidados
A gripe é uma doença causada pelo vírus da Influenza, que ocorre predominantemente nos meses mais frios do ano. A transmissão do vírus acontece por via respiratória, pela inalação de partículas de secreção infectada em suspensão no ar.

A secretaria estadual ressalta no boletim os principais cuidados que devem ser tomados para diminuir o risco de contaminação – a frequente higienização das mãos, manter os ambientes bem ventilados, cobrir o nariz e a boca com a dobra do braço ao tossir ou espirrar e não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas.

A médica destaca que os sintomas da Influenza são febre alta, que surge de forma repentina associada à tosse, dor de garganta, dor de cabeça, dores articulares, calafrios e falta de ar. "E diante da permanência deste quadro orientamos a busca por atendimento médico. O início do tratamento nas primeiras 48 horas evita complicações. A rede pública de saúde tem à disposição o antiviral com Fosfato de Oseltamivir (Tamiflu). O medicamento é fornecido gratuitamente pelas unidades de saúde mediante apresentação da prescrição médica", disse a médica.
 
AEN-PR

Mega-Sena acumula e vai pagar R$ 22 milhões no sábado


O concurso 2.170 da Mega-Sena não teve acertadores nos seis números sorteados nesta quarta-feira (17):  10, 21, 24, 36, 38 e 51.
O prêmio ficou acumulado para o sorteio do concurso 2.171, que ocorre no sábado (20). A estimativa é que o prêmio seja chega a R$ 22 milhões. 
A Quina (5 números acertados) teve 79 apostas ganhadoras, com R$ 29,97 mil para cada uma delas.
A Quadra, (4 acertos), registrou 3.749 apostas ganhadoras, cabendo a cada uma delas R$ 695,90.
As informações são do site da Caixa Econômica Federal.

Abono do PIS/Pasep começa a ser pago na próxima quinta-feira


O pagamento do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) e do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), exercício 2019/2020, começa na quinta-feira (25) da próxima semana. A liberação do dinheiro para os cadastrados no PIS vai considerar a data de nascimento e os do Pasep, o dígito final do número de inscrição.
Os trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro receberão o abono do PIS ainda este ano. Já os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2020. Recebem também este ano os servidores públicos cadastrados no Pasep com dígito final do número de inscrição entre 0 e 4. Os com final entre 5 e 9 receberão no próximo ano.
A data para o fechamento do calendário de pagamento do exercício 2019/2020 está prevista para o dia 30 de julho de 2020. A estimativa é de que sejam destinados R$ 19,3 bilhões a 23,6 milhões de trabalhadores. O pagamento do abono salarial referente ao PIS será feito pela Caixa em suas agências em todo o país; e o abono do Pasep será pago no Banco do Brasil.

Quem tem direito

Para ter direito ao abono salarial do PIS/Pasep é necessário ter trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2018, com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador tem de estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).
Para os trabalhadores que tiverem os dados declarados na Rais 2018 fora do prazo e entregues até 25 de setembro de 2019, o pagamento estará disponível a partir de 4 de novembro de 2019, conforme calendário de pagamento aprovado, e, após este prazo, somente no calendário seguinte.

Informações: Agência Brasil

DESTAQUE

Ordem de serviço autoriza construção de uma nova Unidade Escolar Estadual em Sarandi

Na tarde da última quinta-feira (04), o Prefeito Walter Volpato (PSDB) recebeu em seu gabinete, o Diretor Presidente do FUNDEPAR – Inst...