segunda-feira, 25 de abril de 2011


Boca escura em Maringá

Disparos matam adolescente e deixam rapaz em estado grave

Duas vítimas de armas de fogo foram registradas em Maringá: um rapaz de 23 anos e um adolescente de 17, que não resistiu aos disparos e morreu. Os crimes aconteceram na Vila Morangueira e no Conjunto Habitacional Requião em momentos distintos.

A primeira ação criminosa foi fatal, por volta da meia-noite deste sábado (23), na rua Arlindo Urgnani, Conjunto Habitacional Requião, onde um adolescente de 17 anos foi morto a tiros. Socorristas do Posto de Bombeiros da Vila Operária foram acionados para o atendimento, mas nada puderam fazer. O corpo seria encaminhado para o IML. A polícia esteve no local e deve investigar a causa e autor da morte.

A outra vítima foi atingida por tiros no final da madrugada deste Domingo de Páscoa (24), por volta de 5h20 . Anderson da Silva, 23, foi baleado na rua Ivaí, Vila Morangeira. Com ferimentos considerados graves, Silva foi levado por socorristas do Posto Jardim Alvorada para o Hospital Universitário (HU). Ele corre risco de morte, segundo relatório do Corpo de Bombeiros.

Plantonista do Corpo de Bombeiros de Maringá não soube prestar mais informações sobre as ocorrências.


Nenhum comentário:

DESTAQUE

Ordem de serviço autoriza construção de uma nova Unidade Escolar Estadual em Sarandi

Na tarde da última quinta-feira (04), o Prefeito Walter Volpato (PSDB) recebeu em seu gabinete, o Diretor Presidente do FUNDEPAR – Inst...