sexta-feira, 1 de março de 2019

Ex-secretário de Santa Tereza do Oeste é condenado por fraude em licitações na saúde

O ex-secretário de saúde de Santa Tereza do Oeste, no oeste do Paraná, Fernando Prado foi condenado a oito anos e quatro meses de prisão em regime semiaberto por fraudes em licitações e peculato.

Na mesma decisão, publicada na quinta-feira (28) e à qual cabe recurso, o Tribunal de Justiça (TJ-PR) condenou empresários investigados na Operação Panaceia, deflagrada em 2015.

As penas nestes casos variam de cinco a oito anos de prisão, além de multa.

Um dos empresários e o ex-secretário - que chegou a ser preso em janeiro de 2016 - serão monitorados por tornozeleira eletrônica. Os demais devem cumprir a pena em regime aberto.



Desvio de dinheiro


As investigações que apuram um esquema de desvio de dinheiro público em contratos de compra de medicamentos e contratação de serviços para a área da saúde envolvem agentes políticos, servidores e empresários de cerca de 20 cidades da região, entre elas Ibema, Corbélia e Santa Tereza do Oeste.

Segundo o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), ao menos 50 licitações foram fraudadas para que prefeitos e secretários recebessem propina de empresas fornecedoras que, entre outros, emitiam notas frias e entregavam medicamentos vencidos.


A suspeita é que o esquema desviou mais de R$ 1,2 milhão dos cofres públicos.

Nenhum comentário:

DESTAQUE

Ordem de serviço autoriza construção de uma nova Unidade Escolar Estadual em Sarandi

Na tarde da última quinta-feira (04), o Prefeito Walter Volpato (PSDB) recebeu em seu gabinete, o Diretor Presidente do FUNDEPAR – Inst...